BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CORONAVÍRUS: Após pressão do MP, prefeito suspende decreto e comércio fecha novamente na capital

O prefeito Hildon Chaves recuou e suspendeu tempo indeterminado a abertura do comércio

DA REDAÇÃO - João Paulo Prudêncio

28 de Abril de 2020 às 18:21

Atualizada em : 29 de Abril de 2020 às 09:06

Após liberar a reabertura de grande parte do comércio em Porto Velho (RO) desde a última segunda-feira (27), o prefeito Hildon Chaves (PSDB), sob pressão do Ministério Público do Estado de Rondônia – MP/RO revogou a sua própria determinação e fechará novamente os pontos comerciais por conta da pandemia de COVID-19.

 

Para que o comércio permanecesse aberto a prefeitura da capital de Rondônia teria que disponibilizar uma estrutura básica para atender em um possível surto de Coronavírus na cidade.

 

Entre as exigências para manter o comércio aberto em Porto Velho estaria a necessidade de Chaves disponibilizar á sociedade 100 leitos de hospital de forma imediata, ação praticamente impossível para a atual realidade financeira do Município.

 

Com isso, a cidade permanece em estado de Calamidade Pública e as regras de quarentena e isolamento social continuam a valer.

 

Confira a revogação do Decreto assinada pelo prefeito:

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS