INCERTEZA: Provas do concurso da PRF podem não acontecer no dia 9 de maio

A prova dissertativa será de até 30 linhas, valerá 20 pontos e consistirá da redação de texto dissertativo.

INCERTEZA: Provas do concurso da PRF podem não acontecer no dia 9 de maio

Foto: Divulgação

O antigo diretor-executivo da Polícia Rodoviária Federal, José Lopes Hott, agora na Subchefia de Análise e Acompanhamento de Políticas Públicas da Casa Civil, voltou a falar sobre o adiamento das etapas do concurso público da corporação, decisão tomada devido ao aumento de casos de covid-19. Em vídeo postado nas redes sociais, Hott informou que a primeira etapa do certame, prova objetiva, segue prevista para 9 de maio, mas que não sabe se a data será mantida.
 
“Sei que boa parte de vocês seguem na dúvida se a prova acontece ou não acontece. Nós também ainda não sabemos. Eu não sei, mas quero ficar aqui com vocês, com o compromisso de, tão logo a gente tenha a decisão da gestão da PRF sobre a realização da prova no dia 9 ou no eventual adiamento, de a gente voltar a conversar aqui”, comunicou o ex-diretor e atual subchefe adjunto especial da Casa Civil.
 
O novo cronograma foi publicado pela banca Cebraspe em março. De acordo com o documento, na data provável de 30 de abril de 2021, será publicado no Diário Oficial da União e divulgado no site da banca edital com local e horário de realização da prova objetiva e da prova discursiva. Já as provas objetivas e discursivas serão aplicadas na data provável de 9 de maio.
 
A partir de junho de 2021, serão realizadas as outras etapas do certame, como a matrícula para o curso de formação e a realização dos exames físico e psicológico. Por fim, a primeira convocação para o curso de formação está prevista para 15 e 16 de setembro de 2021. Saiba Mais!
 
O concurso
 
São 1.500 vagas para o cargo de policial rodoviário federal. O salário inicial de profissionais da PRF é de R$ 9.899,88, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. O Cebraspe é o organizador. As provas objetivas e discursivas, que compõem a primeira etapa do concurso, após serem adiadas, serão aplicadas provavelmente em 9 de maio. As provas objetivas serão compostas por três blocos.
 
A prova dissertativa será de até 30 linhas, valerá 20 pontos e consistirá da redação de texto dissertativo. Vale ressaltar que o candidato terá 4 horas e 30 minutos para fazer ambas as avaliações, que serão aplicadas no mesmo dia. A segunda etapa do concurso é composta pelo Teste de Aptidão Física (TAF), que conta com cinco testes.
 
O concurso registrou  um total de 303 mil inscritos para 1.500 vagas. A relação foi divulgada pela corporação nas redes sociais. Desta forma, a seleção conta com uma concorrência de 202 candidatos por vaga. Saiba todos os detalhes sobre o certame aqui!
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS