BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CRUELDADE: Secretário de Segurança é exonerado após denúncia de agressão à esposa

Na ocasião, a mulher teria sofrido um aborto por conta das pancadas

PORTAL DO HOLANDA

29 de Dezembro de 2020 às 10:49

Foto: Divulgação

O secretário de segurança do estado de Roraima, Rômulo Saraiva, foi exonerado do cargo após denúncias de agressão à esposa. Na ocasião, a mulher teria sofrido um aborto por conta das pancadas.

 

O caso foi registrado em uma delegacia de Boa Vista nessa segunda-feira (28). Segundo o boletim de ocorrência, Rômulo e a esposa teriam discutido após ela dizer que iria sair para buscar a filha.

 

A mulher tentou deixar a casa do casal, no bairro Treze de Setembro, mas teria sido segurada pelos cabelos pelo secretário. A vítima relatou que em seguida foi jogada no chão e levou uma série de socos e chutes na barriga.

 

Gestante, ela acabou sofrendo sangramento e perdeu o bebê. Após a denúncia, a mulher fez uma série de vídeos nas redes sociais denunciando Saraiva e mostrando marcas no corpo.

 

Ela afirmou ainda que os abusos eram frequentes e que já tinha registrado outros BOs, mas que sempre voltava atrás por não querer prejudicar o esposo, mas a perda do filho foi muito grave para ela.

 

Após as denúncias, o Governo de Roraima decidiu exonerar o policial civil e afirmou: "As investigações sobre o caso serão feitos com todo o rigor pela Polícia Civil", onde Rômulo é lotado desde 2004.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS