BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

OUTUBRO ROSA: Produtoras rurais são encaminhadas pela Emater para exames

O encaminhamento dessas pessoas tem o intuito de prevenir o câncer de mama, uma doença que quando é descoberta no início tem chance de cura de 95% dos casos

GOVERNO DE RO

29 de Outubro de 2020 às 15:06

Foto: Divulgação

A Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater-RO) em parceria com o Hospital de Amor encaminha mulheres da agricultura familiar para realização gratuita de exames de mamografia em Ji-Paraná. O encaminhamento dessas pessoas tem o intuito de prevenir o câncer de mama, uma doença que quando é descoberta no início tem chance de cura de 95% dos casos.
 
Aos 53 anos, Luciene Krugel é uma das agricultoras que se preocupa em cuidar da saúde. Ela disse que anualmente realiza o exame de mamografia e que já tratou um cisto na mama esquerda. “Não conheço ninguém que tenha sido acometido pela doença, mas sei que é assustador. Por isso, todos os anos recorro ao apoio das técnicas da Emater para fazer a mamografia”, disse Krugel, uma das 47 mulheres da agricultura familiar que já realizou o exame em 2020.
 
Outras 49 produtoras rurais estão agendadas para submeterem à mamografia no serviço administrado por três extensionistas rurais da Emater. Elas têm idade acima dos 40 anos, conforme sugere o Ministério da Saúde para o início da realização do exame preventivo.
 
“Firmamos essa parceria há cinco anos e a cada ano ampliamos o número de mulheres atendidas”, disse a extensionista rural Eliene Novais. A responsável pelo Hospital de Amor em Ji-Paraná, enfermeira Tainá Aragão, diz que a parceria com o órgão do Governo de Rondônia é muito importante, porque ajuda a atingir as mulheres que vivem no campo.
 
“É uma dinâmica importante executada pela Emater, pois ainda temos dificuldade em expandir os exames para o setor produtivo. A parceria nos traz essas mulheres contribuindo para a identificação e o tratamento precoce da doença”, explica a enfermeira, destacando que o exame realizado durante todo o ano é gratuito, no Hospital de Amor, às mulheres de 40 a 69 anos de idade.
 
A agricultora Vanilsa Soares, 46 anos, disse que realiza o autoexame regularmente em casa, mas que a parceria da Emater é fundamental para que sejam lembradas na época certa da campanha nacional contra o câncer de mama. “As técnicas da Emater todo ano estão atentas e nos alertam para não deixar de fazer a mamografia”, pontua Vanilsa.
 
Nesta ação dirigida pela Emater, as mulheres recebem um brinde quando aderem ao chamamento contra o câncer de mama. “Preparamos um kit para cada uma delas. Nele contém um folder explicativo sobre o autoexame, a doença e o tratamento. O kit também oferece um recipiente com álcool em gel e mais um folder que aborda as linhas de crédito destinadas ao produtor rural”, disse a extensionista Eliene Novais.
 
Na ação da Emater, ocorrida na quarta-feira (28) no Hospital de Amor, o novo gerente regional da Emater, João Vilmar Rabel, classificou o serviço como essencial para a comunidade rural. “Nossos extensionistas já desempenham as funções no que tange ao desenvolvimento do Setor Produtivo, mas esse alinhamento em favor da saúde é uma iniciativa que fortalece ainda mais a agricultura familiar”, declarou Rabel.
 
O chefe do escritório local da Emater, engenheiro agrônomo Gabriel Cordeiro, reforçou que a parceria com o hospital faz parte do plano de ação do órgão do Governo de Rondônia. “Além de encaminhar as mulheres ao exame de mamografia, nossos técnicos promovem palestras e outros encaminhamentos à saúde a todos os produtores rurais”, disse, destacando que a meta é o fortalecimento do setor produtivo.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS