BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

FLAGRADO PELA PF: Sem mandato, Lebrão poderá sair do seu gabinete direto para a cadeia

O Conselho de Ética da ALE/RO é formado pelos deputados Jair Montes, Alex Redano, Marcelo Cruz e Edson Martins

Rondoniaovivo - João Paulo Prudêncio

23 de Outubro de 2020 às 11:03

Atualizada em : 25 de Outubro de 2020 às 17:10

Foto: Divulgação

Nesta próxima terça-feira (27) o Conselho de Ética Parlamentar da Assembleia Legislativa de Rondônia – ALE/RO realizará sua primeira reunião para receber os pedidos de cassação do mandato do deputado José Lebrão, filmado pela Polícia Federal pegando dinheiro de propina e colocando dentro de um saco de lixo. 
 
O Conselho de Ética da ALE/RO é formado pelos deputados Jair Montes, Alex Redano, Marcelo Cruz e Edson Martins. O presidente do Conselho é o deputado Ismael Crispim.
 
De acordo com Crispim, o trabalho do conselho será pautado nos princípios basilares da austeridade, probidade, legalidade e transparência. 
 
“Na próxima terça-feira (27), às 14 horas, no Plenarinho 2, realizaremos a reunião de instalação do conselho e recebimento dos pedidos de cassação do mandato do deputado Lebrão (MDB) para seguir os trâmites conforme o código de ética da Casa”, esclareceu.
 
Caso perca mandato, a Polícia Federal poderá solicitar a prisão de Lebrão, que apenas não aconteceu por conta do Foro Privilegiado. Para grande parte da opinião pública a permanência de Lebrão entre os deputados estaduais de Rondônia é uma situação constrangedora e mancha a imagem do legislativo.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS