BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PORTO VELHO: Ada Dantas solicita à Sesau doação de cadeiras de rodas para unidades de saúde

As cadeiras são para atender aos pacientes na UPA Leste, UPA Sul e Policlínica Ana Adelaide

ASSESSORIA

03 de Agosto de 2020 às 17:38

Foto: Divulgação

 

A vereadora Ada Dantas Boabaid (PDT) encaminhou o ofício nº 0021 à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), solicitando a doação de nove cadeira de rodas ao Município de Porto Velho. As cadeiras são para atender aos pacientes na UPA Leste, UPA Sul e Policlínica Ana Adelaide. 
 
Conforme informou Ada Dantas, algumas das cadeiras que atualmente estão disponíveis nas unidades de saúde supramencionadas, estão em péssimo estado de conservação, muito precárias e oferecem riscos para a população. “Geralmente estas cadeiras são utilizadas por pessoas idosas ou que não estão em condições de caminhar, porém, a precariedade das cadeiras acaba sendo um risco a mais ao paciente”, comentou Ada Dantas. 
 
A parlamentar comentou ainda ter ciência de que a Sesau não tem obrigação de fornecer as cadeiras de rodas ao município. “Sabemos que a Sesau não tem este dever, mas este é um item de suma importância nas unidades de saúde para mais conforto e melhor deslocamento de alguns paciente e por isso faz-se necessário recorrer a todas as instituições possíveis."
 
Em conversa com o diretor da UPA Leste nesta segunda-feira (03), Ada Dantas foi informada por Luciano Martins que a Unidade dispõe de cadeiras de rodas para os pacientes, porém, são antigas e precisam ser substituídas para que a população tenha mais conforto num momento difícil que é a enfermidade. Já as cadeiras de rodas da UPA sul e Ana Adelaide estão em péssimo estado e precisam ser trocadas urgentemente. 
 
Ada Dantas destaca ainda que este é um pedido de socorro dos pacientes, os quais têm sofrido de maneira geral pela adequação no atendimento, pois se trata de um item necessário e deve comportar todas as necessidades do usuário. “A cadeira de rodas é importante aliado para quem tem mobilidade reduzida, seja para idosos, deficientes físicos, ou para quem passa por processo de recuperação devido acidente ou doença”, concluiu Ada Dantas.
 
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS