BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PM vai atender ocorrência de furto e estoura duas bocas de fumo em Guajará-Mirim

Uma guarnição comandada pelo PM Eliel foi solicitada a se deslocar ao pátio de uma transportadora, no bairro Planalto. As informações davam conta de que dois elementos tinham pulado o muro da empresa e subtraídos uma botija de gás de 13 quilos e outros ma

Da Redação

22 de Fevereiro de 2010 às 08:29

Foto: Divulgação

Em "boca de fumaça" não entra mosquito
Uma guarnição comandada pelo PM Eliel foi solicitada a se deslocar ao pátio de uma transportadora, no bairro Planalto. As informações davam conta de que dois elementos tinham pulado o muro da empresa e subtraídos uma botija de gás de 13 quilos e outros materiais. Nas diligências a patrulha localizou José Luiz Macedo Calhalo na companhia de outro homem. Com eles os PMs apreenderam dez frascos grandes de detergente e com José foi apreendido papelotes de entorpecente, segundo ele recebeu em troca da botija numa "boca de fumo" há algumas quadras dali.
Os moradores da casa indicada por Luiz, quando perguntados acerca da troca feita minutos antes da chegada da viatura, Darly da Costa Pontes, 36 anos, confessou aos militares que fora ela quem negociou a botija em troca das "parangas" e vendia droga no local. Nas buscas no interior da residência os policiais encontraram cinco papelotes e ainda apreenderam: dois cachimbos para fumar droga; relógios de pulso; quatro aparelhos celulares, vários chips e carregadores de celular; jóias e bijuterias.
Também R$ 213,66 (reais) em espécie; duas bicicletas, sendo uma Ceci vermelha e série FF13598, uma Monark barra circular preta de nº 04103389. Ainda foi levado à delegacia um ventilador branco; dois aparelhos de DVDs; vários cartuchos de espingarda deflagrados e dentre outros objetos de menor porte.
Outra boca
Enquanto realizavam pente fino na primeira casa, souberam de que na residência ao lado também funcionava outra "boca de fumo", conhecida por "boca do Fábio". Lá foi preso Fábio Ribeiro, 27, e apreendidos 27 papelotes de substância ilícita; um relógio de pulso, dois reais; uma bicicleta infantil Cros prata nº HA48676; uma Brisa adulta de cor vermelha e vários documentos em nome de terceiros que segundo Ribeiro foi empenhorado por droga.

Além de Darly, Fábio e José, flagranteados pelo delegado Loubivar de Castro e se encontram recolhidos na cadeia pública aguardando o posicionamento do Judiciário estadual. Outros sete envolvidos foram encaminhados à Delegacia Regional de Polícia onde prestaram esclarecimentos, inclusive uma menor de 17 anos, sendo liberados em seguida. Autor: PM Almeida/6º BPM. VEJA MAIS ABAIXO

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS