PROCURANDO PARENTES: Batida entre Jeep Troller e caminhão mata homem que viajava sozinho

Vítima morreu quando guarnição dos Bombeiros chegava para fazer o resgate

 

Um homem de 60 anos (faria 61 no dia 22 deste mês), identificado como Alberto Graça Peixoto Neto, morreu na hora, após o Jeep Troller que dirigia ser atingido por um caminhão no KM 22 da BR 364. O acidente fatal aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 09, nas proximidades do balneário Piracolino, na saída de Vilhena para Porto Velho.
 
Segundo o Corpo de Bombeiros, Alberto ficou preso às ferragens após o choque frontal, sofreu fratura no tórax e morreu no momento em que a guarnição chegava ao local. O caminhão vinha no sentido Vilhena e seguiria para Goiás. O Troller, com placas de São Paulo, trafegava rumo a Porto Velho.
 
O caminhoneiro sobrevivente disse que o Jeep invadiu a pista contrária e o atingiu, mas testemunhas contaram outra versão: disseram que estavam atrás do caminhão, cujo motorista aparentava ter dormido, e que ele é quem havia entrado na outra faixa da rodovia.
 
A Funerária Santo Cristo, de Vilhena, que recolheu o corpo, está tentando localizar os parentes da Vítima, em São Paulo. Um laudo da perícia indicará as causas da violenta batida entre os dois veículos.
 
 
Direito ao esquecimento

Você já decidiu em quem votar para deputado(a) estadual, federal, senador(a) e presidente?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS