JUSTIÇA: Acusados de matar homem a pauladas são condenados a mais de 20 anos

De acordo com a acusação os dois réus pertencem a uma facção criminosa e ceifaram a vida da vítima, que seria usuário de drogas

JUSTIÇA: Acusados de matar homem a pauladas são condenados a mais de 20 anos

Foto: Divulgação

Os réus J.C.N.A e N.S.F foram a júri popular na cidade de Ariquemes na última segunda-feira (13/6), pelo crime de homicídio contra Josélio Silva dos Santos, ocorrido na cidade de Cujubim no dia 20 de maio de 2020.
 
Ambos foram denunciados pelo Ministério Público, por meio do Promotor de Justiça Marcus Alexandre De Oliveira Rodrigues, da 4ª Promotoria, que também atuou na acusação durante o júri.
 
O conselho de sentença acatou na íntegra a acusação do MP de homicídio qualificado pelo meio cruel e pelo recurso que dificultou a defesa da vítima por meio de brutalidade extrema.
 
Os réus  foram condenados a penas de 20 e de 24 anos de prisão. De acordo com a acusação os dois réus pertencem a uma facção criminosa e ceifaram a vida da vítima, que seria usuário de drogas.
 
Num processo de 300 páginas, a investigação comprovou que os denunciados agiram mancomunados entre si, previamente ajustados. A vítima foi atacada de surpresa e golpeada a pauladas até vir a óbito.
Direito ao esquecimento

Você acredita que candidatos evangélicos são realmente ungidos de Deus ou são “ungidos” do pastor?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS