BR-429: Obras de recuperação que liga seis municípios de RO serão reiniciadas em maio

“O novo projeto já foi empenhado e em maio ainda, as duas empresas contratadas já estarão trabalhando"

BR-429: Obras de recuperação que liga seis municípios de RO serão reiniciadas em maio

Foto: Divulgação

 

Com extensão superior a 380 quilômetros e trechos de intenso fluxo para escoamento da produção agrícola, as obras da BR-429 que faz a ligação com seis municípios e se estende de Presidente Médici até Costa Marques, foi tema de reunião na tarde desta quinta-feira (13), em Brasília entre o vice-governador de Rondônia, José Jodan, e o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), general Antônio Santos Filho.
 
Inicialmente, como visita de cortesia, Jodan agradeceu o empenho do diretor do Dnit na conclusão dos trechos das ROs 010 e 383. “Foi fundamental o trabalho do Dnit, pois quando o tráfego da região foi deslocado para estas vias, por conta da interdição da ponte do Riozinho em 2018, o desgaste foi muito grande”, explicou.
 
Segundo o vice-governador, os trechos da RO-383 que ligam Cacoal ao distrito de Nova Estrela, em Rolim de Moura, e a RO-010 entre Pimenta Bueno e Nova Estrela, estavam praticamente intransitáveis. Ele comentou ainda que, um dos pedidos da população de Rondônia ao Poder Executivo é a restauração da BR-429.
 
As obras iniciaram, mas encontram-se paralisadas. O general Santos Filho, informou que foi rescindido o contrato da empresa anterior, pois não estavam sendo atendidos os requisitos da obra. “O novo projeto já foi empenhado e em maio ainda, as duas empresas contratadas já estarão trabalhando”, pontuou.
 
O diretor do Dnit esclareceu que o novo contrato foi incluído na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2021, mas com o atraso na votação da lei, só recentemente foi possível dar continuidade aos trabalhos. A intenção do Departamento é iniciar pelos primeiros 180 quilômetros da rodovia com as obras que receberão investimento superior a R$ 20 milhões.
 
Ao final do encontro, o vice-governador fez um convite ao diretor-geral para a participação no evento que ocorrerá na tarde desta sexta-feira (14), onde será discutida a definição das licenças e documentos necessários para a obra da BR-242.
 
Jodan ressaltou que o projeto pode ter grande influência para o escoamento da produção do Cone Sul de Rondônia. “No futuro próximo, junto com a BR-242 e se reativarmos o antigo Porto Dois de Novembro (região de Machadinho D’Oeste), podemos aliviar o trânsito de cargas da BR-364 até Porto Velho e seguirmos direto para os demais portos brasileiros”, demonstrou.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS