BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

RO-135: Obras são concluídas e ponte sobre o rio Urupá será inaugurada

"Providenciamos as condições para que a população tenha o acesso devido, resguardado o direito de ir e vir com segurança’’

GOVERNO DE RO

16 de Novembro de 2020 às 16:29

Foto: Divulgação

 

GOVERNO DE RO - As obras na ponte sobre o rio Urupá, na RO-135, em Ji-Paraná, estão finalizadas e o Governo de Rondônia vai realizara a inauguração nesta terça-feira (17). Em quatro meses de trabalho, o Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER) ergueu os aterros das duas cabeceiras, pavimentando 615 metros de via, fez as obras de arte de drenagem, instalação de defensas e colocação de gramado nas laterais.

 
De acordo com o residente regional do DER em Ji-Paraná, engenheiro Klayson Furtado, após a determinação do governador Marcos Rocha, os trabalhos tiveram início na primeira semana de julho. “O diretor-geral, Elias Rezende, articulou a formação de uma força-tarefa entre as regionais do DER para que o serviço de encabeçamento da ponte ganhasse celeridade”, explica o engenheiro Klayson.
 
 
Ao longo do período de seca, as equipes do DER conseguiram imprimir um ritmo de trabalho ágil e de qualidade garantida pelo acompanhamento técnico do corpo de engenheiros do órgão, topógrafos, laboratoristas, entre outros. “Com a vinda de novos servidores aprovados em processo seletivo no mês de setembro e otimização no uso do maquinário, conseguimos avançar no cronograma além das expectativas”, ressalta o coordenador de Operações e Fiscalização do Departamento, Adriano Furtunato.
 
Em vistoria recente ao canteiro de obras, o governador fez questão de frisar a importância da conclusão do encabeçamento da ponte sobre o rio Urupá. ‘‘Tenho acompanhado esse trabalho desde o início, pois era uma estrutura parada há anos, junto com o Elias Rezende e a equipe do DER, percebendo que só tinha a ponte velha que foi palco de vários acidentes, providenciamos as condições para que a população tenha o acesso devido, resguardado o direito de ir e vir com segurança’’, explica o coronel Marcos Rocha.
 
Localizada na RO-135, saída de Ji-Paraná sentido ao distrito de Nova Londrina e à BR-429, a ponte foi construída por uma empresa contratada em 2017, com uma extensão de 150 metros e largura de 11,20 metros, num investimento à época em torno de R$ 6 milhões. No entanto, ela não foi entregue à população, uma vez que no projeto licitado não constavam os serviços de construção das cabeceiras.
 
 
O Governo do Estado, por meio do DER, fez o trabalho para destravar essa obra inconclusa. “Arregaçamos as mangas e partimos para a ação. O DER tem a capacidade técnica, tem um quadro de servidores com competência e experiência e tem o maquinário necessário. Era uma questão de fazer a gestão correta de tudo isso e colocar um fim num problema que vinha afetando toda a região central do Estado”, detalha Rezende.
 
Com isto, foi possível fazer por execução direta o encabeçamento da ponte sobre o rio Urupá com 615 metros de aterro e compactação, pavimentação asfáltica, obras de drenagem pluvial (bueiros, caixa de contenção e calhas de concreto), defensa (guard-rail), sarjeta e meio-fio, colocação de gramado, além do aproveitamento da lateral e da antiga ponte como ciclofaixa e passagem para pedestres. O diretor-geral finaliza enfatizando que, “todo esse trabalho executado diretamente pelo DER, pelos valorosos servidores, é um investimento do Governo do Estado para a população de Rondônia”.
 
No DER, as ações estão voltadas à padronização, com vistas à qualidade dos resultados, desde a identificação de prioridades, garantia do melhor uso dos materiais e equipamentos até a valorização do quadro técnico e operários. Assim, sua missão é alcançar melhores resultados, gerar economia, evitar desperdícios de materiais e retrabalho, materializando-se na recuperação, manutenção e melhoria de mais de 6.000 quilômetros de vias com e sem pavimentação sob responsabilidade do Governo de Rondônia.
 
A entrega oficial da ponte com a obra concluída acontece nesta terça-feira (17), em Ji-Paraná.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS