ENTULHO: IBGE aponta que RO tem a 5ª menor taxa de coleta de lixo no Brasil

Segundo instituto, apenas quatro, dos 52 municípios, possuem coleta de lixo que atende mais de 90% da população

ENTULHO: IBGE aponta que RO tem a 5ª menor taxa de coleta de lixo no Brasil

Foto: Rondônia Dinâmica

De acordo com informações do Censo 2022 divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em Rondônia, cerca de 20,5% das habitações enfrentam a falta de serviço de coleta de lixo. Essa estatística posiciona o estado como o quinto com menor taxa de coleta no país.

 

Entre os 52 municípios, apenas quatro apresentam serviços de coleta de lixo que abrangem mais de 90% da população. Essas localidades são:

 

- Vilhena, com uma taxa de cobertura de 94,8%;

 

- Ji-Paraná, atendendo 93,2% da população;

 

- Porto Velho, com um índice de 91,9%;

 

- Ariquemes, com uma cobertura de 90,4%.

 

De acordo com o IBGE, a maioria dos residentes sem acesso à coleta de lixo opta por queimar os resíduos, o que representa 18,3% das moradias, totalizando cerca de 101 mil residências. Outras formas de descarte incluem:

 

- Enterramento, adotado em 1,5% das habitações;

 

- Despejo em áreas públicas ou outras formas de destinação, que abrange 0,72%.

 

Em nove municípios, mais da metade da população utiliza a queima como método de descarte de lixo. Essas cidades são:

 

- Nova União, com 63,2% de adoção dessa prática;

 

- Governador Jorge Teixeira, com 61,6%;

 

- Campo Novo de Rondônia, registrando 61,2%;

 

- Theobroma, com 58,8%;

 

- Castanheiras, com 55%;

 

- Rio Crespo, com 52,5%;

 

- Alto Alegre dos Parecis, com 52,1%;

 

- Parecis, com 51,4%;

 

- Cacaulândia, com 51,2%.

 

É importante ressaltar que a queima de lixo e outros resíduos, mesmo dentro das residências, é considerada uma atividade criminosa ambiental. Em algumas cidades, como Porto Velho, essa prática pode acarretar em multas.

Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Cleiton Cheregatto em Novo Horizonte do Oeste?
Quem é mais culpado pelas enchentes em Porto Velho?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS