REDE ELÉTRICA: Acidentes em construções e reformas podem ser evitados

Com o fim da temporada de chuvas, clima fica mais propício para obras e Energisa orienta profissionais a redobrarem cuidados com a segurança

REDE ELÉTRICA: Acidentes em construções e reformas podem ser evitados

Foto: Divulgação

Com a proximidade do verão amazônico e a diminuição das chuvas, profissionais da construção civil começam a preparar os canteiros para época mais propícia do ano para obras.
 
 
O período também deve ser de alerta com a segurança para esses profissionais, especialmente, as envolvendo a rede elétrica. Segundo Anuário Estatístico de Acidentes de Origem Elétrica da Abracopel, em 2021 a maior parte dos acidentes com choque elétrico envolveram trabalhadores de profissão não especificada (193), estudantes (110), agricultores (83), pedreiros e seus auxiliares (85).
 
 
Segundo Lenildson Santos, coordenador de Saúde e Segurança da Energisa em Rondônia, acidentes envolvendo a rede elétrica, geralmente, são provocados pelo desconhecimento de normas de segurança.
 
 
“Construções e reformas devem ser feitas com distância mínima de 3 metros na horizontal e 3 metros na vertical dos cabos de energia. Se o local da atividade estiver próximo à rede elétrica, é preciso que o cliente entre em contato com a concessionária para solicitar o desligamento do fornecimento. Vale lembrar que somente profissionais capacitados devem atuar com instalações elétricas e utilizando equipamentos de proteção individual (EPI’S) adequados para cada situação”, frisou ao explicar que os EPI’s tem níveis diferentes de isolamento adequados para cada nível de tensão de energia.
 
 
Dos 14 acidentes registrados em Rondônia no ano passado, seis envolviam trabalhadores da construção civil ou de serviços de internet. Santos alerta os profissionais a redobrarem a atenção também no momento de manobrar objetos próximos aos cabos de energia, pois há risco de choque elétrico mesmo que o objeto não encoste nos fios.
 
 
“Por isso, não manuseie vergalhões, escadas, andaimes, antenas de TV ou internet próximo dos fios. Objetos metálicos possuem maior grau de condutividade de eletricidade, mas a madeira também pode conduzir por causa da umidade presente nesses materiais”, afirmou.
 
 
Ele ainda destaca a importância de fazer a avaliação preliminar de risco antes de qualquer atividade. “Assim, poderá identificar previamente as situações e prevenir que os acidentes aconteçam, podendo voltar bem para casa no final do dia”, concluiu. Confira outras orientações sobre segurança com a rede elétrica no Canal da Energisa no You Tube.
 
Direito ao esquecimento

Em qual desses quatro pré-candidatos você votaria se as eleições fossem hoje?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS