FASE AMARELA: Porto Velho amplia horário para a venda de bebidas alcoólicas

Portaria leva em consideração diminuição na ocupação de leitos por pacientes contaminados pela covid-19

FASE AMARELA: Porto Velho amplia horário para a venda de bebidas alcoólicas

Foto: Divulgação

 

Foi publicado no Diário Oficial dos Municípios nesta quinta-feira (29), a Portaria nº 246/GAB/SEMUSA/2021, de 27 de julho de 2021, da Prefeitura de Porto Velho, que mantém o município na Fase Amarela para fins de controle da pandemia de Covid-19. A decisão leva em conta o Boletim nº 479, de 26/07/2021, da Sala de Situação Integrada do Governo do Estado de Rondônia.
 
A Fase Amarela determina que os estabelecimentos comerciais funcionem com a capacidade limite de 70% do espaço, sempre respeitando as medidas sanitárias em vigor.
 
Nesta data, 29 de julho, também foi publicado o Decreto Nº 17.470 que altera dispositivos do Decreto Nº 17.364, de 21 de junho de 2021, ampliando o horário de funcionamento e permitindo que as atividades comerciais e serviços funcionem de segunda a domingo até às 3h.
 
O novo dispositivo também amplia o horário para a venda de bebidas alcoólicas até às 2h30, ficando proibida a venda a partir deste horário até às 6h.
 
EDUCAÇÃO
 
Aulas presenciais devem cumprir protocolos de saúdeAulas presenciais devem cumprir protocolos de saúde
 
Os novos dispositivos do Decreto que entra em vigor nesta quinta-feira (29) também traz alterações sobre as aulas presenciais nas instituições privadas de ensino Fundamental, Médio e Superior.
 
De acordo com o Decreto, deverá ser respeitado o distanciamento mínimo de 100 centímetros entre as carteiras e obrigatoriedade de todos os funcionários e alunos utilizarem máscaras, além de cumprirem demais protocolos de saúde.
 
TECNOLOGIA
 
O Decreto reforça ainda que as instituições educacionais em Porto Velho que optarem por se manter sem aulas presenciais façam o uso de meios e Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) com aulas não presenciais, por intermédio de plataformas digitais indicadas e permitidas pelo Ministério da Educação (MEC) para melhor atender ao seu público.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Fonoaudiocenter LTDA

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS