LUTO: Nota de Pesar de Marcio Oliveira pela morte da professora Maria Teresa

A professora Tereza Chamma, era natural de Villa Bela, Bolivia e morava em Guajará-Mirim

LUTO: Nota de Pesar de Marcio Oliveira pela morte da professora Maria Teresa

Foto: Divulgação

Foi com imenso pesar que recebemos a notícia do falecimento da professora Maria Teresa Merino Chamma de Guajará Mirim. Ocorrido hoje sexta-feira, 19 de fevereiro, vítima de complicações da Covid-19.
 
A professora Tereza Chamma, era natural de Villa Bela, Bolivia, era membro da Acadaemia de Letras Guajaramirense, autora do litro “Guajará mirim – A pérola do Mamoré”. Era professora, lecionou na Escola Estadual Simon Bolivar. Ocupou vários cargos no município, em destaque a secretaria municipal de Cultura, Esporte e Turismo.
 
Uma estudiosa das Letras, deixou um grande legado à cidade e ao município de Guajará Mirim com suas reflexões e escritos. 
Tereza era uma mãe exemplar, dedica e apegada, aos seu filhos: Abrahim , Michel e Fernado Edgar . Uma dedicada aos seus netos. Foi casada com o ex-vereador Abrahim Chamma. 
Pessoa sensata, educada, elegante, amiga e muito preocupada com desenvolvimento do município. Sempre esteve envolvida nos movimentos pró - Guajará Mirim. Foi uma eterna lutadora pela sua terra: -  Guajará Mirim, a eternoa pérola do Mamoré de Rondônia. 
 
Manifestamos profundo sentimento de solidariedade aos seus familiares e amigos, rogando a Deus que na sua infinita bondade e misericórdia conforte a todos neste momento de profunda dor.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS