BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Advogado anuncia adiamento de Encontro de Direito Médico

Após oito edições, o Encontro de Direito Médico de Rondônia pela primeira vez é adiado por motivo de força maior

ASSESSORIA

23 de Novembro de 2020 às 08:59

Foto: Divulgação

O advogado Cândido Ocampo anunciou nessa semana o adiamento, para o ano que vem, do “IX Encontro de Direito Médico de Rondônia”. Em razão da pandemia o evento não pôde ser realizado em 2020, já que Ocampo, coordenador do encontro, afirma que não abrirá mão do formato presencial. “Rondônia é carente de acontecimentos dessa natureza. Se aderirmos o formato por ‘videoconferência’, comum nessa época de isolamento social por razões sanitárias, o estado sairá de vez do roteiro de eventos como este”. 
 
Após oito edições, o Encontro de Direito Médico de Rondônia - que já contou com a presença de ministros do Superior Tribunal de Justiça, juristas do porte de Miguel Kfouri Neto, Genival Velloso de França e outros de projeção nacional, além de vários desembargadores de tribunais estaduais e do nosso Tribunal de Justiça de Rondônia, autoridades médicas, etc. - pela primeira vez é adiado por motivo de força maior.
 
Cândido Ocampo - que há vinte anos se dedica exclusivamente à defesa de médicos e hospitais no estado, é membro da Sociedade Brasileira de Direito Médico e Bioética, presidente da diretoria de Rondônia da Asociación Latinoamericana de Derecho Médico (Asolademe),  e por dez anos assessorou o Conselho Regional de Medicina de Rondônia (Cremero) - informou que já estava confirmada a presença de outro ministro do Superior Tribunal de Justiça, que, segundo o advogado, se comprometeu a palestrar na nona edição do encontro no ano que vem. “Estamos vendo a possibilidade de também trazer à Rondônia um ministro do Supremo Tribunal Federal, empreitada que ainda não está consolidada, mas faremos o possível para realizá-la”, afirmou o causídico. 
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS