BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PARA EMBAIXADOR DE ISRAEL: Etapas de beneficiamento do tambaqui de Rondônia são apresentadas

Governador Marcos Rocha e o embaixador de Israel acompanharam o trabalho do frigorífico de peixes em Ariquemes

ASSESSORIA

28 de Outubro de 2020 às 14:51

Foto: Divulgação

De Rondônia para o Oriente Médio, mais precisamente para Israel. Esse pode ser o novo destino do tambaqui produzido no Estado e que tem comprovado o potencial da piscicultura rondoniense – em especial dos municípios localizados na região do Vale do Jamari – que foi conferida de perto pelo embaixador de Israel no Brasil, Yossi Sheley, na tarde de terça-feira (27) quando esteve juntamente com o governador coronel Marcos Rocha, conhecendo in loco todo o trabalho desenvolvido por um frigorífico de peixes localizado em Ariquemes, distante pouco mais de 200 quilômetros de Porto Velho.
 
Durante a visita ao frigorífico – que já se tornou referência no Brasil no processamento de cortes dos peixes Tambaqui, Pintado e Pirarucu – o embaixador de Israel conferiu passo a passo todas as etapas de beneficiamento que envolvem as operações de seleção, corte, descamação, embalagem, resfriamento e congelamento, fazendo valer a qualidade do produto que hoje, é exportado para Peru e Bolívia.
 
O mercado de pescado de Rondônia também já tem um ensaio de negócios com a China e África e, agora, se fortalece com a perspectiva de exportação para Israel. A produção de pescado rondoniense já se destaca no Brasil, abastecendo vários estados, como Mato Grosso, Goiás, Brasília, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Amazonas e Paraná.
 
Nesse contexto de expandir o mercado do pescado rondoniense, o Governo do Estado tem desenvolvido ações que vão ao encontro do fortalecimento da viabilização de negócios e, consequentemente, abrindo portas para o mercado interno e externo. Em 2019, por exemplo, o Governo do Estado garantiu a realização de um grande churrasco na Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF), com a realização do Festival do Tambaqui da Amazônia, visando divulgar o produto para o Brasil e para o mundo.
 
Embaixador Yossi Sheley e o governador Marcos Rocha estiveram reunidos com diretores do frigorífico
 
Antes de conhecer todo o procedimento de beneficiamento do peixe, o embaixador Yossi Sheley e o governador Marcos Rocha participaram de uma rápida reunião com o diretor do frigorífico, Victor Leite, com apresentação de um vídeo que trouxe todas as informações sobre a produção de peixe. Todo o incentivo do Governo tem dado ainda mais credibilidade para levar o pescado rondoniense, inclusive, a vários outros países.
 
“Estou feliz com a vinda do embaixador de Israel que nesta oportunidade está conhecendo o processo de produção do nosso peixe de Rondônia que já é vendido em vários lugares. Isso representa muito para a piscicultura de Rondônia. Sabemos o quanto o pescado é importante para a economia da região. Visitamos toda a linha de produção e saímos satisfeitos. Sabemos que essa parceria com Israel, que tem uma capacidade tecnológica muito grande, dará bons frutos para nosso Estado. Essa aproximação entre Israel e Brasil, através do presidente da República, Jair Bolsonaro, será grandiosa para o cenário nacional. O embaixador cumpriu o compromisso de vir a Rondônia conhecer nossa potencialidade e em breve iremos conhecer Israel com empresários, a convite do próprio embaixador”, disse o governador.
 
Logo após degustar porções de tambaqui, o embaixador de Israel no Brasil ao conversar com a imprensa local chegou a brincar dizendo que faltou somente o limão, mas não deixou dúvidas de que o tambaqui de Rondônia poderá sim chegar até seu país.
 
“Cumpri uma agenda e estou feliz pela primeira visita a Rondônia e acredito que o Estado está se desenvolvendo e quero agradecer ao governador Marcos Rocha por proporcionar esse momento importante”, argumentou o embaixador de Israel, chamando a atenção positiva para a estrutura sustentável, respeitando os padrões para atender tanto o mercado nacional quanto o internacional.
 
Também participaram da visita ao frigorífico de peixes o superintendente Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), Sérgio Gonçalves, e o superintendente estadual de Comunicação, Lenilson Guedes.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS