BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PANDEMIA: Governo de Rondônia não pagou R$ 60 por máscara de TNT durante ápice do COVID-19

Acontece que essa compra passou pelos órgãos de fiscalização e não houve sequer qualquer compra de máscaras por unidade

Rondoniaovivo - João Paulo Prudêncio

02 de Outubro de 2020 às 09:55

Atualizada em : 02 de Outubro de 2020 às 09:59

Foto: Divulgação

Nesta semana o governo do estado de Rondônia foi alvo de uma grave denuncia amplamente compartilhada nas redes sociais. 
 
De acordo com os vídeos produzidos pelos supostos denunciantes a Secretaria Estadual de Saúde – SESAU/RO teria comprado máscaras de TNT para a prevenção à COVID-19 pagando R$ 60 a unidade em um contrato total de R$ 9 milhões. 
 
Pela gravidade da informação repassada o jornal Rondoniaovivo procurou checar a sua veracidade e constatou que essas alegações são mentirosas, a conhecida “fake news”. 
 
 
Acontece que essa compra passou pelos órgãos de fiscalização e não houve sequer qualquer compra de máscaras por unidade e sim por caixas, ou seja, quando afirmam que o Governo pagou R$ 60 por uma máscara, na verdade, o que foi comprado por esse valor foi a caixa com 50 unidades. 
 
Essa denúncia também foi desmentida pelo secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo, através de um vídeo veiculado no Facebook onde ele diz que essa compra em questão foi realizada no mês de maio, época em que a pandemia estava em seu ápice. 
 
 
“Rondônia é o primeiro estado do Brasil na transparência, tanto na classificação por organizações nacionais e internacionais por causa disso, tudo que o cidadão quiser ver está no site da transparência”, afirmou Fernando Máximo. 
 
O enfrentamento à COVID-19  continua sendo a principal pauta de ação do Governo do Estado.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS