Breno Mendes é exonerado da Emdur

Segundo informações, a causa da demissão foi uma polêmica envolvendo discussão na rede social com líderes de bairro

Breno Mendes é exonerado da Emdur

Foto: Divulgação

O advogado Breno Mendes foi exonerado na tarde desta quinta-feira (1º) da Presidência da Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano (Emdur). O decreto de demissão foi publicado agora há pouco no Diário Oficial do Município. Pelo edital, a demissão foi a pedido do próprio Mendes, que horas antes concedeu uma entrevista à Rede TV falando sobre a cobrança da nova Contribuição de Iluminação Pública (Cosip).

 

Ex-chefe de gabinete e um dos principais articuladores a campanha eleitoral do prefeito Hildon Chaves, Breno era persona no grata até meio entre os secretários. Uma das polêmicas em que se envolveu o ex-presidente foi justamente na demissão precoce do seu antecessor Juscelino Amaral, na Emdur. Mas, segundo informações, a causa da demissão foi uma polêmica envolvendo discussão na rede social com líderes de bairro.

 

Direito ao esquecimento

Em um 2º turno entre candidatos de direita, em quem você votaria?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública. Vote quantas vezes quiser!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS