BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Prefeitura vai entregar em novembro mais um terminal para mototaxistas

Um dos locais de maior concentração de transporte público são os pontos de mototáxi, o que levou a Prefeitura a dar o suporte aos profissionais da categoria.

Da Redação

17 de Outubro de 2014 às 09:04

Foto: Divulgação

Um dos locais de maior concentração de transporte público são os pontos de mototáxi, o que levou a Prefeitura a dar o suporte aos profissionais da categoria, ou seja, os quase 200 mototaxistas de Ji-Paraná que estão na ativa constantemente, fazendo o transporte diário de passageiros.

Para valorizar a categoria, a prefeitura da cidade entregou no mês de setembro o primeiro terminal rotativo para os profissionais, nas proximidades do Hospital Municipal. Já neste mês de outubro outra obra está sendo realizada, perto da Rodoviária, com espaço para a garagem das motos, além de um banheiro.

Este novo terminal foi orçado em pouco mais de R$ 48 mil reais com recursos próprios da Prefeitura e será concluído em novembro.

Segundo o Prefeito Jesualdo Pires (PSB), os terminais rotativos para mototaxistas de Ji-Paraná estão se tornando referência no quesito desenvolvimento. “O fluxo de transporte de passageiros no município tem aumentado e, por isso, precisamos oferecer conforto e comodidade aos profissionais como também para os usuários”, disse o chefe do executivo.

Segundo Ari Saraiva, Secretário Municipal de Governo, ainda este ano será entregue mais um terminal, localizado na T-06 com a Avenida Brasil. Ao todo as obras vão beneficiar 196 mototáxistas. “A obra próximo da Rodoviária está em ritmo acelerado. Foi uma determinação do Prefeito Jesualdo e nós estamos acompanhando para que esse projeto fique pronto dentro do cronograma, o que deve acontecer porque está bem adiantado”, concluiu Saraiva.

Cada terminal rotativo tem espaço para mais de 10 veículos, o vem gerando expectativa dos mototaxistas, principalmente por causa da cobertura. Segundo Cláudio Lopes Castelan, presidente da Cooperativa dos Mototaxistas de Ji-Paraná (Coopermoto), essa obra é um abrigo necessário para a proteção contra a chuva e o sol. “Uma reivindicação antiga feita há mais de 15 anos e que, nesta gestão municipal, está sendo colocada em prática para beneficiar toda a categoria dos mototaxistas”, frisou.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS