ESPAÇO ABERTO: Investimento em produção leiteira é destaque na Rondônia Rural Show

ESPAÇO ABERTO: Investimento em produção leiteira é destaque na Rondônia Rural Show

Foto: Divulgação

AMPLITUDE
 
A diversificação de Cultura em Rondônia é, sem sombra de dúvidas, a mola mestre que propulsiona o setor do Agronegócio e torna nosso estado competitivo junto a mercados consolidados como Rio Grande do Sul e Minas Gerais.
 
VANTAGEM
 
Claro que algumas peculiaridades, e essas são uma generosidade da natureza, nos favorecem. Temos por exemplo um solo fértil, que diferente do que se possa imaginar, sofre com queimadas e não com ação climática.
 
 
VANTAGEM 2
 
Os rios que cortam a Amazônia também são nossos aliados. Aqui temos uma psicultura de fazer inveja aos concorrentes, com espécies nativas que somente nosso Bioma pode oferecer.
 
 
ELOGIADO
 
O tambaqui, por exemplo, é hoje o símbolo da economia pesqueira rondoniense que se tornou o maior produtor de peixe nativo de cultivo e o terceiro maior produtor do Brasil. A produção pesqueira já ultrapassou a casa das 70 mil toneladas. Mas o nosso peixe é assunto para a coluna de amanhã.
 
 
ENTRE OS 10
 
O destaque de hoje é para a pecuária leiteira. Rondônia é o nono produtor brasileiro de leite com uma produção diária de um milhão e 600 mil litros.
 
TRANSFORMAÇÃO
 
O Estado tem buscado incentivar a produção, inclusive diversificando o uso do alimento. Existe programa específico para o consumo in-natura e o restante é transformado. O queijo produzido em Rondônia, por exemplo, tem conseguido premiações em competições com outros mercados já bem consolidados.
 
 
AUXÍLIO
 
Dentro dessa preocupação com qualidade, três projetos importantes estão em funcionamento. O Transtec e o Consultec, em parceria com a Emater, e o Inovatec, em parceria com o Sebrae. Todos são financiados pelo Pró-Leite, um fundo específico que subsidia projetos voltados à cadeia leiteira.
 
ESTUDO
 
No caso do Transtec, ele é voltado para transferência de pesquisa e transferência de tecnologia para os produtores de leite. Vem sendo desenvolvido nos 52 municípios de Rondônia.
 
 
APRIMORAMENTO
 
Sobre o Consultec, ele é voltado à especialização dos extensionistas da Emater de Rondônia. Abrange 74 técnicos que trabalham somente para atender a bovinocultura leiteira. Utilizam uma metodologia chamada balde cheio.
 
GENÉTICA
 
Sobre o Inovatec, em parceria com Sebrae, ele é voltado ao melhoramento genético. Foca em duas vertentes. Five, que é fertilização in-vitro e Laft, inseminação artificial por tempo fixo. Ambos melhoram a qualidade do rebanho e aumentam produtividade.
 
CADEIA
 
Atualmente a pecuária leiteira de Rondônia envolve 35 mil produtores de leite. Porto Velho, Jaru e Nova Mamoré são os líderes na produção. A produção mensal em torno de quase 50 milhões de litros atende cerca de 70 laticínios.
 
 
PRF
 
Servidores da prefeitura de Ji-Paraná disseram que foi preciso intervenção do prefeito Esau Fonseca para que agentes da Polícia Rodoviária Federal fiscalizassem o trecho da BR-364 que dá acesso ao local onde acontece a Rondônia Rural Show.
 
PRF 2
 
No primeiro dia do evento, não havia nem um policial acompanhando o trânsito o que causou lentidão e irritação de motoristas que passavam pela BR. Na manhã de ontem, uma equipe da PRF apareceu no local.
 
 
PRF 3
 
Aliás, falando em Polícia Rodoviária Federal, a estratégia de logística na Rondônia Rural Show é curiosa. O motociclista da foto em destaque, sofreu acidente no Anel Viário onde os motoristas tem a opção de desviar do caminho que cruza por Ji-Paraná.
 
 
PRF 4
 
É um trecho que naturalmente já é movimentado e perigoso por conta da manobra que precisa ser feita para quem vem de Cacoal em direção a Porto Velho. O trânsito triplicou naquele ponto devido a Rondônia Rural e não há uma equipe, sequer, da PRF monitorando o tráfego.
 
VÍTIMA
 
Por conta do acidente, o motociclista ficou caído no acostamento e motoristas que pararam após o acidente é que auxiliaram à vítima até a chegada de uma ambulância. O rapaz foi socorrido e passa bem.
 
EXIBIÇÃO
 
O mais bizarro nesse fato é que a Polícia Rodoviária Federal montou um estande no evento, onde tem servidores atendendo os visitantes que seriam suficientes para formar, pelo menos, três equipes de campo.
 
 
EXIBIÇÃO 2
 
Falando em bizarro, outra curiosidade na Feira foi a exposição e entrega do Caveirão do Bope. Blindado que custou aos cofres da Secretaria de Estado da Segurança,  dois milhões e 800 mil de reais.
 
 
EXIBIÇÃO 3
 
A Sesdec enfatiza que o veículo será usado em patrulhamento de “alto risco”. Com todo o respeito ao BOPE, que tem policiais diferenciados para as mais complicadas missões, mas a Força Tática da PM já dá conta da bandidagem com muita propriedade. 
 
EXIBIÇÃO 4
 
Um veículo desse porte é para suportar criminosos equipados com fuzis, granadas, lança míssil, entre outras armas potentes. Felizmente não temos nada disso em nosso Estado. Tomara que o Caveirão não vire peça de museu.
 
IRONIA
 
Um grupo de policiais militares que me conhece disse que se a Sesdec fornecesse coletes à prova de bala para toda a tropa,  seria mais barato e já estaria de bom tamanho.
 
COMEMORAÇÃO
 
A 17ª Brigada de Infantaria de Selva comemorou ontem o Dia da Arma de Infantaria com a realização de uma formatura na 17ª Companhia de Infantaria de Selva (17ª Cia Inf Sl). O evento contou com a participação de representações das Organizações Militares da Guarnição de Porto Velho e a presença de autoridades e personalidades civis e militares.
 
 
RAINHA
 
A data é comemorada em 24 de maio, em homenagem ao aniversário do Patrono da Infantaria, o Brigadeiro Antônio de Sampaio. Na oportunidade, o Comandante da 17ª Bda Inf Sl, Gen JORGE, realizou a leitura da Ordem do Dia, reverenciando à “Rainha das Armas”.
 
Direito ao esquecimento

Você acredita que candidatos evangélicos são realmente ungidos de Deus ou são “ungidos” do pastor?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS