DESTEMIDA E PIONEIRA: Ailza de Medeiros vira obra de arte na Exposição Mulheres Empreendedoras

Exposição acontece até o dia 30 na Casa da Cultura Ivan Marrocos

DESTEMIDA E PIONEIRA: Ailza de Medeiros vira obra de arte na Exposição Mulheres Empreendedoras

Foto: Divulgação

 

Em cartaz atualmente na Casa da Cultura Ivan Marrocos, a mostra itinerante do artista plástico Eliardo Lima, que já brilhou no Porto Velho Shopping (em maio) e na Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL – da Capital (em julho) consolidou – se como uma marcante manifestação artística em 2022, devido a brilhante trajetória das suas homenageadas.
 
Na seleta constelação que brilha no universo empreendedor e ganhou destaque no inédito evento, que reúne artes, história, jornalismo e empreendedorismo, está Ailza de Medeiros. Ela ilustra a tela Destemida e Pioneira em alusão a coragem que teve em trocar a zona de conforto na cidade natal Picuí, na Paraíba, para lançar em Porto Velho o primeiro, maior e mais completo Centro de Reabilitação da região Norte.
 
 
Quando lançou a Fisiotrat, o atendimento de fisioterapia só era realizado na rede pública de saúde e a profissão de fisioterapeuta enfrentava preconceito.  A maioria das pessoas a confundia com o massagista. “Além dos desafios de desbravar o mercado nessa área, ainda enfrentei o desafio de gerir um negócio com visão empresarial e tino administrativo”, diz Ailza, que de lá para cá só colecionou conquistas no seu empreendimento.
 
Hoje, a Fisiotrat é uma referência graças as novidades nos avançados tratamentos e a excelência na gestão. A Clínica é certificada pelo Sistema de Gestão de Qualidade ISSO 9001: 2015 pela ABNT - A Associação Brasileira de Normas Técnicas -, entre outros avanços administrativos, como por exemplo, a implantação da Lei Geral de Proteção de Dados.  
 
Jornalista experiente em escrever sobre casos de sucesso na cultura empreendedora, professor de marketing e empreendedorismo, o curador da exposição João Albuquerque, diz que batizou a tela que retrata Ailza de Medeiros inspirado na  letra do Hino do Estado, no qual se evidencia quem migrou para Rondônia, trazendo a inovação do progresso. “A paraibana Ailza de Medeiros personifica o amor e gratidão de quem abraçou Rondônia como sua terra natal”, diz ele que também é paraibano.
 
Direito ao esquecimento

Qual você acha que será o resultado do jogo entre Brasil e Suíça nesta segunda-feira (28)?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS