MESSIAS: Cantores do gospel se unem em música de protesto contra Bolsonaro

Com Leonardo Gonçalves e Kleber Lucas, canção 'Messias' faz crítica ao imbróglio político no meio evangélico

MESSIAS: Cantores do gospel se unem em música de protesto contra Bolsonaro

Foto: Divulgação

Um dos poucos cantores do meio gospel a se posicionar contra o presidente Jair Bolsonaro, Leonardo Gonçalves lançou nesta segunda-feira, 17, uma canção de protesto contra o político popular em igrejas evangélicas. A faixa, batizada de Messias, é uma parceria do cantor com Kleber Lucas, Dona Kelly, Clóvis, Sarah Renata, Tiago Arrais, João Carlos Jr., e o rapper MN NC.

 

A canção começa com vozes de pregadores falando de política, depois, ela compara os líderes religiosos que se renderam aos excessos da polarização aos “mercadores do templo”, grupo que irritou Jesus como descreve o texto bíblico.

 

Em determinado ponto, Gonçalves declama o seguinte trecho: “A real é que eu tô triste, a gente não tá com raiva, a gente tá triste. Pessoas com quem tivemos experiências incríveis se voltaram contra a gente, questionam nossa fé, dizem que não somos cristãos e falam da gente como se não nos conhecessem, como se não tivéssemos partilhado o pão incontáveis vezes. Tudo isso por causa de política.

 

Por causa de um falso pânico moral promovido por donos de igrejas que tiveram o perdão de uma dívida de 1,4 bilhão de reais decretada pelo presidente da república. Alguém, aliás, que com quase 700.00 mortos não foi capaz de uma palavra de solidariedade, um mínimo de empatia, um olhar sequer de misericórdia ou compaixão. E a gente que não é cristão?”.

 

ESCUTE A MÚSICA  AQUI

 

MATÉRIA: VEJA - Raquel Carneiro

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

E M M M de Barros

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS