BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ON-LINE: Fóruns e oficinas marcam o Cuia Contemporânea; evento está com inscrições abertas

Podem inscrever-se pessoas físicas maiores de 18 anos que comprove atuação em uma das seguintes áreas: teatro, dança, circo, produção cultural e performance

Rondoniaovivo - edição

09 de Fevereiro de 2021 às 06:48

Atualizada em : 09 de Fevereiro de 2021 às 06:50

Foto: Divulgação

A Cuia Contemporânea será realizado entre os dias 17 de março e 3 de abril, em formato de festival online. Contará com ações formativas oferecidas de forma gratuita e realização de fórum. A atividade é um meio de promover acesso ao aprendizado, capacitando e fomentando a arte em nossa região.

 

 
 

O processo seletivo encerra no próximo dia15/2. As inscrições são feitas de forma online através de formulário disponível no site: https://www.cuiaprod.com.

 
Podem inscrever-se pessoas físicas maiores de 18 anos que comprove atuação em uma das seguintes áreas: teatro, dança, circo, produção cultural e performance.
 
Os interessados devem anexar um vídeo de no mínimo 1min30seg e no máximo 3 minutos . A seleção será feita por curadoria entre os dias 16 e 21 deste mês (Fevereiro). O resultado final será disponibilizado no dia 25 de fevereiro, através das redes sociais e site do projeto.
 
As oficinas serão mediadas por artistas provocadores da região Norte e nesta primeira etapa será realizada a convocatória de oficineiros/facilitadores.
 
A programação contará com adaptação em acessibilidade, orientada por equipe especializada e portanto o interessado em ministrar as oficinas terá que estar aberto a essas adaptações.
 
 
Sobre o Cuia Contemporânea 
 
O projeto  visa o fomento e difusão da dança no estado de Rondônia, criando intercâmbio, diálogo e fruição, capacitando e provocando de maneira abrangente através de processos de incubadora para artistas criadores, junto a um fórum de reflexivas.
 
Este projeto foi contemplado no EDITAL Nº 80/2020/SEJUCEL-CODEC-PACAÁS NOVOS - LEI FEDERAL 14.017/2020 (Lei Aldir Blanc).
 
Fonte: Assessoria
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS