BALA: Polícia Federal é recebida aos tiros em casa de empresários durante operação

Lins teria buscado abrigo no Consulado da Suécia em Manaus

BALA: Polícia Federal é recebida aos tiros em casa de empresários durante operação

Foto: Divulgação

Agentes da Polícia Federal que participam da Operação Sangria - que apura desvios de recursos federais destinados ao combate da Covid-19 no Amazonas - foram recebidos a tiros pelo filho do empresário Nilton Lins, suspeito de integrar o esquema. Lins teria buscado abrigo no Consulado da Suécia em Manaus.

“Teve um incidente bastante sério [em Manaus], em razão de ter sido um mandado de busca do ministro Francisco Falcão (do STJ), que é o relator, e a Polícia Federal foi recebida a tiros pelo filho do Nilton Lins. Foi uma situação bastante constrangedora e perigosa”, disse a subprocuradora-geral da República Lindôra Araújo. Não houve registro de vítimas ou feridos no incidente.

 

Lindôra disse, ainda, que o secretário da Casa Civil do Amazonas estaria foragido, mas citou o nome do secretário de Saúde, Marcellus Campêlo. 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

MEDICAL FORM LTDA

V DA S Parnaiba

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS