BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PANDEMIA: Jair Bolsonaro prorroga alíquota zero de IOF sobre crédito

A medida valerá até 31 de dezembro

AGÊNCIA BRASIL

03 de Outubro de 2020 às 08:38

Atualizada em : 03 de Outubro de 2020 às 09:32

Foto: Divulgação

 

AGÊNCIA BRASIL - O presidente Jair Bolsonaro prorrogou a alíquota zero para o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) nas operações de crédito. A decisão está em decreto publicado em edição extra do Diário Oficial da União de hoje (2).

 
Essa é a segunda vez que o governo prorroga a isenção como medida de combate à crise gerada pela pandemia de covid-19. Em julho, o governo estendeu a prorrogação por 90 dias. O prazo acabaria hoje. Com a nova prorrogação, a medida vale até 31 de dezembro.
 
A alíquota zero de IOF foi anunciada, pela primeira vez, em abril para aliviar o crédito a pessoas físicas e empresas afetadas pela pandemia do novo coronavírus.
 
Tradicionalmente, o IOF cobra alíquota de 3% sobre o valor total da operação de crédito, independentemente do prazo, mais 0,38% ao ano.
 
Dessa forma, a alíquota máxima pode chegar a 3,38%, diminuindo caso a operação tenha prazo inferior a um ano.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Presidente da CNTE critica PEC 32/2020 em live do Fórum Rondoniense

Presidente da CNTE critica PEC 32/2020 em live do Fórum Rondoniense

Para Heleno, em razão da pandemia, o momento deve ser considerado totalmente inadequado e desleal aos servidores, visto que eles serão os principais atingidos e não poderão ao menos, fazer ampla discussão sobre a proposta com os parlamentares do Congresso Nacional

29 de Outubro de 2020 às 10:45