BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CADEIA: Musa fitness que assumiu boca de fumo é presa e liberada com tornozeleira

Ela estuda odontologia e disse aos policiais que começou a traficar após a prisão do filho

AC24HORAS

28 de Agosto de 2020 às 08:59

Foto: Divulgação

 

AC24HORAS - Após audiência de custódia, ficou decidido que a estudante de odontologia e administradora Yvanna Alencar, de 40 anos, presa no final da tarde da última quarta-feira, 26, pelo crime de tráfico de drogas não será levada ao presídio de Rio Branco e deverá usar tornozeleira eletrônica. Ela foi presa em casa, localizada no Ramal Benfica, região do bairro Vila Acre, Segundo Distrito de Rio Branco.
 
A decisão de soltura foi tomada no início da tarde desta quinta-feira, 27, na audiência de custódia, pela Juíza plantonista Andréia da Silva Brito no Fórum Criminal de Rio Branco. O flagrante foi homologado e com o parecer do Ministério Público Estadual a Juíza substituiu a prisão preventiva de Yvanna por medidas cautelares.
 
Yvanna confessou à polícia que assumiu a ‘boca de fumo’ que pertencia ao seu filho, Gabriel Alencar, de 22 anos, conhecido no mundo do crime pelo apelido de ‘Boi’, depois que ele foi preso, no final do ano de 2019.
 
A mulher foi encaminhada ao Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) onde será colocada a tornozeleira e deverá cumprir várias medidas cautelares estabelecidas pela Magistrada, entre elas o monitoramento eletrônico pelo prazo de 90 dias ou até a prolação da sentença.
 
Yvanna também receberá visitas dos Agentes Penais de monitoramento. Ela está proibida de frequentar bares, boates e frequentar academias, bem como, não poderá mudar de residência ou se ausentar dela no período diurno ou noturno sem prévia comunicação ao Juízo, salvo para o trabalho ou estudo, devidamente comprovado ao juízo.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS