VARIANTE: Itália volta a fechar bares, restaurantes e escolas para conter nova onda da Covid-19

O país passou esta semana a barreira de 100 mil mortes

VARIANTE: Itália volta a fechar bares, restaurantes e escolas para conter nova onda da Covid-19

Foto: ILUSTRATIVA

 

A Itália vai voltar a fechar escolas, bares e restaurantes para tentar conter uma nova onda de Covid-19. O governo italiano deve anunciar todas estas medidas na sexta-feira (12), por conta da variante britânica que já começa a ameaçar toda a capacidade hospitalar do país europeu. A Itália passou esta semana a barreira de 100 mil mortes, após registrar uma forte alta no número de infectados. Foram 26 mil novos casos e 373 mortes nas últimas 24 horas.
 
De acordo com o cenário mais pessimista, as grandes regiões setentrionais – Lombardia, Piemonte, Veneto, Emilia-Romagna – bem como o Lácio (região de Roma) e Calábria deverão passar para a zona vermelha, juntando-se assim às regiões meridionais Basilicata e Molise. A situação em Roma permanece incerta e pode ficar na zona laranja, assim comoToscana, Ligúria, Umbria e Abruzzo. Apenas a Sicília deve permanecer na zona amarela, enquanto a Sardenha está na zona branca.
 
A classificação na zona vermelha, de acordo com o sistema em vigor há vários meses, leva ao fechamento de escolas, colégios, colégios e universidades, bares e restaurantes (exceto take-away). As saídas de casa são limitadas às necessidades de trabalho, aquisição de necessidades básicas e emergências de saúde.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS