CADASTUR: Mais de 120 mil empresas e pessoas já estão cadastradas

A Lei Geral do Turismo determina o registro obrigatório para sete categorias do setor no Cadastur

CADASTUR: Mais de 120 mil empresas e pessoas já estão cadastradas

Foto: Divulgação

 

O número de prestadores de serviços turísticos que atuam de forma legal cresceu 85% nos últimos quatro anos, passando de 64,6 mil, em 2017, para 120 mil no ano passado. A Lei Geral do Turismo determina o registro obrigatório para sete categorias do setor no Cadastur, cadastro nacional que reúne empresas e profissionais que atuam no setor de turismo.

 

A maior parte dos cadastros é de agência de turismo (33.406). A obrigatoriedade do registro alcança ainda quem exerce a profissão de guia de turismo (24.355) ou é proprietário de meios de hospedagem (16.688), transportadora turística (14.639); organizadora de eventos (6.774); acampamento turístico (316); e parque temático (182). Em relação ao porte das empresas registradas no Cadastur, a maioria é microempresa (65,1%), seguida por empresas de pequeno porte (8,5%). O cadastro também é formado por pessoas físicas, que são os guias de turismo e que somam 20,2% do total.
 
Os estados de São Paulo (26.303), Rio de Janeiro (19.390) e Minas Gerais (11.158) possuem o maior número de cadastros e representam 47% das inscrições realizadas no Cadastur até o final de 2020. Na comparação 2019-2020 quanto a ampliação do número de cadastros, o destaque vai para Tocantins (118,5%), Roraima (73,0%) e Goiás (71,8%), que registraram os maiores aumentos percentuais em relação aos dados de 2019.
 
Só no ano passado tivemos 20 mil novos registros, demonstrando que há sim uma sensibilização de todo o setor de turismo para a regularização dos serviços, bem como para a adoção de práticas seguras e responsáveis que permitam a retomada das atividades turísticas no país”, avalia o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS