CONFÚCIO MOURA: Senador e diretor do DNIT discute infraestruturas de Rondônia

BRs-364 e 319, Ponte Binacional, hidrovia do Madeira e portos em Rondônia foram tópicos da conversa

CONFÚCIO MOURA: Senador e diretor do DNIT discute infraestruturas de Rondônia

Foto: Assessoria

De acordo com o senador, que é também vice-líder do governo no Senado, até o início de 2023 pouco se falava das obras de infraestrutura para a Região Amazônica, em especial o estado de Rondônia. O parlamentar demostrou otimismo com o trabalho em andamento e com as obras futuras da ponte binacional em Guajará-Mirim e dos investimentos rodoviários e hidroviários no estado de Rondônia. “Enfim, saímos da dicotomia ideológica destruição x preservação e passamos para a realização. O que é um avanço!”, comemorou.
 
Confúcio Moura disse que levou ao diretor-geral do DNIT as preocupações da Região Amazônica, especialmente de Rondônia e que trataram também dos portos que precisam de cuidados urgentes, tais como o porto do Cai Nágua em Porto Velho e do terminal hidroviário IP4 de Guajará-Mirim, que necessita de uma administração centralizada, e sugeriu que a superintendência do Dnit de Rondônia cuidasse da gestão.
 
Confúcio Moura falou da criação da tão sonhada Estrada Parque na BR-319. “Essa rodovia tem possibilidades reais de asfaltamento; o contrário é folclore. Se tem falado muito dela e ela não acontece. No entanto, agora a boa vontade é grande e há uma decisão nesta direção; o próprio presidente Lula também é favorável à pavimentação”, comunicou o senador.
 
Sobre a ponte binacional, Confúcio Moura disse que o processo está em franco andamento. “Os procedimentos estão nos rumos, só dependendo de uma pendência no Tribunal de Contas da União. Falamos da concessão da BR-364, também a obra de engenharia está em andamento, já em fase de estabelecer data para a conclusão e, posteriormente, a concessão”, informou.
 
“Saio daqui muito satisfeito, porque as coisas estão andando de maneira muito positiva. A gente vê o dinamismo da gestão atual do Ministro do Transporte e do diretor do DNIT. São pessoas experientes, técnicos capazes e que realmente conhecem o setor e estão tomando os procedimentos adequados para as obras de engenharia. Eu, como Relator da LDO de 2025, farei com que os recursos orçamentários estejam consignados no Orçamento”, concluiu Confúcio Moura.
Direito ao esquecimento
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ji-Paraná tem sua preferência?
Como você avalia a gestão do prefeito Cornelio em São Miguel do Guaporé?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS