BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Léo garante espaço para curso de formação de policiais civis

Léo garante espaço para curso de formação de policiais civis

Da Redação

08 de Julho de 2015 às 07:38

Foto: Divulgação

O parlamentar conseguiu acelerar o início do curso após solicitar salas de aula à Seduc. No início do mês de julho, o deputado Léo Moraes (PTB) enviou ofício à Secretaria Estadual de Educação do

Estado de Rondônia (Seduc) solicitando a cedência de estrutura física para a realização do curso de formação dos policiais civis do Estado.

Já nesta terça-feira (07), na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, o parlamentar entregou ao diretor geral da Polícia Civil do Estado de Rondônia, delegado Pedro Mancebo, a autorização da Seduc para o uso das salas de aula da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Getúlio Vargas.

Aprovados em 2014, 144 candidatos aguardavam a convocação que não aconteceu em razão de reformas estruturais na Academia de Polícia Civil (Acadepol).

Pedro Mancebo afirmou que a Polícia Civil fará a convocação dos aprovados até o final deste mês e disse esperar que os alunos iniciem o curso no espaço disponibilizado pela secretaria, mas que concluam a formação nas novas instalações da Acadepol.

De acordo com o delegado, muita burocracia justifica a lentidão da conclusão das obras. Segundo ele, por pouco a Acadepol não perdeu o terreno. “A própria Secretaria de Estado de Justiça (Sejus) demonstrou interesse em construir um presídio feminino no local”, explicou.

Léo Moraes parabenizou todos os candidatos aprovados que não desistiram de seus objetivos e perseveraram na esperança de ingressar na Polícia Civil do Estado de Rondônia.

“Não existe glória sem luta, e essa nós vencemos. Desejo que todos possam se dedicar com muito amor a essa carreira que se inicia e que em breve possamos estar juntos novamente na formatura de cada um”, disse o deputado.

O cronograma das convocações e maiores informações sobre o início do curso será publicado via edital da Polícia Civil através da Funcab.

Também participaram da reunião o diretor geral da Acadepol, delegado Túlio Anderson Rodrigues, o presidente da Comissão do Concurso da Polícia Civil 2014, delegado João de Deus Pires e candidatos aprovados.

 

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS