EXECUÇÃO: Acusada de crime bárbaro no Acre é presa tentando visitar marido no '603'

Tatiane e mais sete membros de um grupo criminoso foram condenados em uma pena que somada ultrapassa 340 anos de reclusão

EXECUÇÃO: Acusada de crime bárbaro no Acre é presa tentando visitar marido no '603'

Foto: RONDONIAOVIVO

Após informação passada por agentes da Delegacia de Homicídios da capital, policiais penais do Grupo de Ações Penitenciárias Especiais (GAPE) com policiais penais do presídio Jorge Thiago Aguiar Afonso, o 603,  em Porto Velho  (RO), prenderam Tatiane S. S., 24, nesta sexta-feira (22).

 

A foragida foi presa quando tentava visitar o companheiro que é apenado na penitenciária 603.

 

Durante pesquisas, foi descoberto que Tatiane havia sido condenada por participação na tortura, sequestro, execução e ocultação do cadáver de uma adolescente de 13 anos em janeiro de 2021, em Rio Branco (AC).

 

Tatiane e mais sete membros de um grupo criminoso foram condenados em uma pena que somada ultrapassa 340 anos de reclusão.

 

No dia 29 de janeiro de 2021, os acusados sequestraram a adolescente e a mãe dela quando as duas saíam de uma igreja.

 

Os criminosos então teriam examinado o celular de Raquel para saber se ela tinha ligação com a facção rival e levaram as duas para um local enquanto aguardavam uma decisão sobre qual seria o fim das duas.

 

Após decisão do chamado "Tribunal do Crime", os acusados liberaram a mãe da adolescente sob ameaças de que se ela acionasse a polícia também seria morta

 

Em seguida, eles levaram Raquel para uma área de mata e a mataram com tiros de arma de fogo e dezenas de golpes de faca. O grupo então enterrou a menina em cova rasa.

 

A motivação do crime, conforme a polícia, foi uma vingança, uma vez que os acusados acreditavam que a vítima estava interagindo com a facção rival a que eles pertenciam.

Direito ao esquecimento
Como você avalia a gestão da prefeita Lisete Marth em Cerejeiras?
Como você avalia o trabalho do deputado estadual delegado Rodrigo Camargo?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

L B De Araújo

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS