EXECUÇÃO A TIROS: Pistoleiro do Acre é preso na capital em ação da Homicídios

A motivação do assassinato encomendado seria porque o mandante do crime tinha uma dívida com a vítima. Pedro será recambiado para Rio Branco nas próximas horas

Uma ação conjunta realizada por policiais civis das Delegacias de Homicídios de Porto Velho (RO) e de Rio Branco (AC) resultou na prisão do criminoso Pedro B. Júnior, 28, acusado de matar a tiros um mecânico identificado como Adelino Eufrazio, 65. O delegado do Acre, Marcos Cabral, conversou com a imprensa.
 
O assassinato ocorreu no mês de março deste ano na cidade de Rio Branco. Os policiais civis do Acre descobriram que Pedro havia fugido para Porto Velho após a execução da vítima.
 
O criminoso foi localizado em uma residência no setor chacareiro do bairro Jardim Santana, na zona Leste. Ele é considerado um matador de aluguel perigoso, segundo a polícia.
 
Segundo as investigações da Polícia Civil do Acre, Pedro foi contratado por R$ 5 mil para matar o mecânico. O mandante do crime e outro comparsa que participou da execução já tinham sido presos há cerca de 30 dias em Rio Branco.
 
A motivação do assassinato encomendado seria porque o mandante do crime tinha uma dívida com a vítima. Pedro será recambiado para Rio Branco nas próximas horas.

Galeria de Fotos da Notícia

EXECUÇÃO A TIROS: Pistoleiro do Acre é preso na capital em ação da Homicídios

EXECUÇÃO A TIROS: Pistoleiro do Acre é preso na capital em ação da Homicídios

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS