BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

PONTA DO ABUNÃ: Ação da Polícia Civil diminui número de homicídios em distritos

O dado é uma vitória na redução da criminalidade na região de fronteira do Estado

ASSESSORIA

04 de Fevereiro de 2021 às 15:06

Foto: Divulgação

O Delegado de Polícia Odair Roberto de Almeida, titular da delegacia de Extrema, informou que desde o dia 10 de novembro de 2020 não foi registrado nenhum homicídio na circunscrição da Delegacia de Extrema (9 Delegacia de Polícia), que abrange toda a “ponta do Abunã” (Distrito de Vista Alegre do Abunã, Extrema e Nova Califórnia).
 
O dado é uma vitória na redução da criminalidade na região de fronteira do Estado.
 
No ano de 2020 foram presas 44 pessoas apontadas pelas investigações como envolvidas em crimes contra vida e tráfico de entorpecente, este número expressivo deve-se também a atuação incisiva da Polícia Civil, incluindo ao grupo coordenado pela Delegada Keity Mota Soares, que a frente de uma das equipes da Operação Hórus - V.I.G.I.A (Ministério da Justiça, SESDEC -RO), vem prestando apoio na solução de crimes ococrridos naquele território.
 
Antes dos trabalhos realizados a média de homicídios era de 2,6 mês, o número no ano de 2020 passou para 1,9 mês, ou seja, dez vidas poupadas e mudança na qualidade de vida dos cidadãos, estimados em 13.807hab. (IBGE), passaram a confiar mais na polícia deixando de carregar o medo da impunidade.  
 
Deve-se destacar as diversas Operações desencadeadas desde o ano de 2019 quando o Departamento de Polícia Metropolitana(DEPOM) e Direção Geral de Polícia Civil(DGPC) voltou a atenção ao aumento de crimes de homicídios realizados por membros de “facções” e por disputas de terra.
 
A Delegada Keity Mota ressalta a importância da inclusão daquela região na Operação Hórus (Operação de âmbito Nacional que juntamente com as Secretárias dos estados veem combatendo os crimes nas regiões de fronteira), sendo também essencial a atuação em parceria com a Polícia Militar a qual de forma integrada participou de ações que resultaram em prisões e apreensões de drogas, armas e munições. 
 
Por fim, o delegado Odair informa outro dado a se comemorar, os furtos praticados reduziram pela metade no ano de 2020 foram registrados 112 em comparação com o ano de 2019 onde foram registrados 212, tudo reflexo do bom trabalho desenvolvido.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS