BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ASSISTA: Adolescente que gravou vídeo mudando de facção é morta a tiros no 'Orgulho'

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) investiga o crime

Rondoniaovivo

29 de Dezembro de 2020 às 08:38

Atualizada em : 29 de Dezembro de 2020 às 13:13

A polícia identificou como sendo Luana Gomes, a adolescente torturada e morta a tiros na madrugada desta terça-feira (29) no condomínio Orgulho do Madeira, zona Leste de Porto Velho (RO). O crime teria sido praticado por uma organização criminosa.

 

Em um vídeo divulgado recentemente nas redes sociais, a adolescente aparece vestindo a camisa da facção criminosa Comando Vermelho (CV). Já em outro ela afirma que está saindo do Primeiro Comando do Panda (PCP) porque foi ameaçada de morte, ela e a família. "PCP é sal", diz ela durante a gravação.

 

O crime

 

No final da noite de segunda-feira (28) a Polícia Militar foi até o condomínio Orgulho do Madeira, pois havia denúncia anônima de que uma jovem estaria sendo torturada por um grupo do Comando Vermelho (CV), facção criminosa.

 

Os policiais foram até a quadra 609, mas não conseguiram localizar nenhuma pessoa sendo agredida. No entanto, durante a madrugada, a vítima foi encontrada jogada na rotatória da Rua Plácido de Castro, no condomínio.

 

O corpo estava com três perfurações de tiros, havia sinais de tortura e o cabelo da vítima estava cortado provavelmente com faca. Após a perícia, o corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (DECCV). 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS