CACOAL: Empresário é morto a tiros ao perseguir sequestradores de funcionária

Brener Eduardo de Souza Silva tinha 27 anos e era sócio de empresa de transporte por aplicativo

CACOAL: Empresário é morto a tiros ao perseguir sequestradores de funcionária

Foto: Divulgação

Um empresário foi morto a tiros na noite de sábado, 21, em Sapezal, Mato Grosso, por ladrões que sequestraram a funcionária dele. De acordo com a Polícia Civil, Brener Eduardo de Souza Silva, de 27 anos, acompanhava o carro onde a vítima estava quando foi baleado pelos criminosos.
 
Brener era sócio proprietário de uma empresa de transporte por aplicativo da região. Ele foi comunicado durante a noite que uma das funcionárias da empresa havia sido assaltada e sequestrada.
 
O empresário comunicou à polícia e passou a acompanhar o carro onde os ladrões estavam. A funcionária foi colocada no porta-malas.
 
Brener estava dentro do carro dele quando foi baleado enquanto seguia os suspeitos. Ele não resistiu e morreu ainda no veículo.
 
A funcionária foi encontrada trancada no porta-malas do carro abandonado. Os suspeitos fugiram e não foram localizados. O caso é investigado pela Polícia Civil.
 
O empresário trabalhou como motorista de aplicativo em Cacoal, onde a família dele mora e o corpo foi transladado para a cidade rondoniense.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS