BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ROLIM DE MOURA: Campanha Junho Vermelho incentiva doação de sangue após a redução dos estoques

Para evitar aglomerações, a instituição fará agendamentos via telefone para quem deseja doar sangue. O horário de atendimento das 07h15 às 13h, sendo de segunda a sexta-feira

Rolim Notícias

10 de Junho de 2020 às 08:18

Foto: Divulgação

 

ROLIM NOTÍCIAS - Devido à pandemia do novo coronavírus, os bancos de sangue de Rolim de Moura tiveram redução de 20% no estoques desde o início do isolamento social, segundo informou o Hemocentro. A campanha nacional "Junho Vermelho", que tem como proposta conscientizar a população sobre a importância da doação de sangue.

 
De acordo com o diretor do Fhemeron, Manoel Ferreira, muitas pessoas deixaram de doar por medo de se contaminar com o coronavírus. Porém, ele garante que não há nenhuma evidência de risco de se contrair o vírus por meio da doação de sangue.
 
A Fhemeron garante que adotou todos os critérios estabelecidos pelas autoridades de saúde, como limpeza dos espaços e móveis, nova metodologia de triagem e treinamentos específicos aos servidores das unidades, para garantir a segurança dos doadores.
 
"É necessário que venha ao Hemocentro usando máscara, fazendo a higienização das mãos logo na chegada, evitando trazer acompanhantes e respeitando os limites que delimitamos entre as cadeiras para manter o distanciamento entre as pessoas dentro das unidades, também pedimos para que não compareçam no banco de sangue pessoas que tiveram sintomas gripais nos últimos 30 dias. É importante que o doador esteja em boas condições de saúde", esclarece o diretor.
 
Faça seu agendamento
 
Para evitar aglomerações, a instituição fará agendamentos via telefone para quem deseja doar sangue. O horário de atendimento das 07h15 às 13h, sendo de segunda a sexta-feira.
 
      Rolim de Moura: 3442-1328
 
Faça a sua parte, a doação de sangue é um gesto solidário de doar uma pequena quantidade do próprio sangue para salvar a vida de pessoas que se submetem a tratamentos e intervenções médicas de grande porte e complexidade, como transfusões, transplantes, procedimentos oncológicos e cirurgias. 
 
Quem pode doar?
 
A Fhemeron afirma que a pessoa precisa estar saudável, ter peso acima de 50 kg, apresentar documento com foto e idade entre 16 e 69 anos, sendo que antes de completar 18 anos é necessária uma autorização dos pais ou responsáveis e, se acima de 60 anos, ter realizado pelo menos uma doação até essa idade.
 
Quem tomou a vacina da febre amarela deve aguardar 30 dias para fazer uma doação. Já quem se vacinou contra gripe deve aguardar 48 horas para doar.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS