BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CONFUSÃO: Homem marca programa com mulher casada e quem aparece é o marido

“Você vai até a minha casa que eu irei lhe entregar depois que eu, você e minha esposa conversarmos”, disse o homem

Folha do Sul Online

31 de Janeiro de 2020 às 14:23

Foto: ilustrativa

Um caso inusitado de apropriação indébita foi registrado na noite de quinta-feira (30) em Vilhena. Um homem de 55 anos, que marcou um programa com uma mulher de 38, foi surpreendido pelo esposo dela, de 39, e teve seu celular levado. A Polícia Militar foi acionada para resolver a situação.


 
O homem mais velho, autor da denúncia, esperava a mulher nas proximidades da creche Tia Dora, no bairro Jardim Eldorado, para que fosse cumprido o combinado entre eles.


 
Por volta das 19h, um desconhecido se aproximou e pediu emprestado o celular do denunciante, para fazer uma ligação, mas, ao pegar o aparelho, o colocou no bolso e disse a seguinte frase: “Você vai até a minha casa que eu irei lhe entregar depois que eu, você e minha esposa conversarmos”. Tratava-se do companheiro da mulher com quem o homem de 55 anos havia marcado o programa.


 
Diante da situação, a PM foi até o local e levou a vítima até a residência do casal. Lá, o homem de 39 anos falou que não estava mais com o aparelho, pois tinha entregado para a esposa.


 
Quando a mulher chegou em casa, inicialmente ela também negou estar com o pertence da vítima e depois disse ter o deixado embaixo de uma árvore, na avenida José do Patrocínio. A guarnição foi até o local e encontrou o aparelho.


 
Em seguida, os três envolvidos foram levados para a Unisp (Unidade Integrada de Segurança Pública) para prestar esclarecimentos.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS