MERCADO: Setor de construção civil dribla pandemia e cresce em Porto Velho

Os resultados são bons e o ramo lidera em número de trabalhadores contratados

MERCADO: Setor de construção civil dribla pandemia e cresce em Porto Velho

Foto: Divulgação

 

A pandemia causada pelo novo coronavírus afetou diversos setores da economia, que tiveram que se adaptar e inovar com novos meios de atendimento ao cliente. Nesse novo cenário, nas empresas, as construtoras foram uma das que tiveram melhor desempenho.

 
 
Empresas do setor de construção civil vêm tendo resultados positivos, apesar da alta nos preços dos materiais. Isso tem gerado uma procura por mão de obra qualificada na área. 
 
 
De acordo, com uma pesquisa realizada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), o resultado surpreendeu o setor, que esperava uma enorme paralisação nos negócios por causa das incertezas geradas pela doença. Mas não foi o que aconteceu.
 
 
 
O estudo ainda mostra que o número de pessoas ocupadas na construção civil aumentou e o setor passou a ter 6,088 milhões de trabalhadores formais.
 
 
 
SUCESSO
 
 
 
O empreendedor e proprietário, Fábio Freitas, da Sphera Engenharia, uma das maiores empresas de construção e reforma de Porto Velho, destacou que o período pandêmico foi um dos melhores ciclos na construção civil. "O segundo semestre de 2020, foi um dos excelentes anos em 10 que estamos no mercado", comenta.
 
 
Segundo Fábio, a empresa busca ainda mais dar oportunidades e fazer com que o cliente sinta-se confiante. "Temos procurado levar algumas linhas de crédito existente junto aos bancos, para facilitar a vida dos clientes. Dependendo do valor, a própria construtora faz o financiamento da obra", finaliza o empresário.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS