BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

MEIO AMBIENTE: Operação Verde Brasil 2 completa três meses de atuação na Amazônia

Eles atuam no combate a crimes ambientais e contra focos de incêndio

AGÊNCIA BRASIL

12 de Agosto de 2020 às 08:46

Foto: Divulgação

 

AGÊNCIA BRASIL - A Operação Verde Brasil 2 completou na última terça (11) três meses de atuação preventiva e repressiva contra delitos ambientais, direcionada ao desmatamento ilegal e a focos de incêndio na Amazônia Legal.
 
Como forma de combater crimes ambientais, desde o início da Verde Brasil 2, integrantes das Forças Armadas, integrados com agentes de órgãos ambientais, executam inspeções navais, terrestres, vistorias e revistas em embarcações, além do combate a focos de incêndio”, informou o Ministério da Defesa.
 
No domingo (9), segundo a pasta, militares do Comando Conjunto Norte combateram novos focos de incêndio na extensão da Serra Sul, região da Floresta Nacional Carajás, na localidade de Canaã dos Carajás (PA).
 
Em seguida, o comando prosseguiu com inspeção em rios da Região Amazônica, abrangendo cidades dos estados do Amazonas, do Acre, de Roraima e de Rondônia. As atividades consistiram na abordagem e revista de 126 embarcações, sendo que 19 delas foram autuadas e dez apreendidas.
 
Ainda de acordo com o ministério, militares apoiaram também ações de fiscalização feitas por agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama) e da Força Nacional de Segurança Pública. Eles atuaram contra crimes ambientais e no levantamento de áreas com queimadas na localidade de Querência (MT).
 
Resultados
 
Segundo a pasta, desde a deflagração da Operação Verde Brasil 2, em maio, militares e agentes de órgãos parceiros realizaram 20,1 mil inspeções navais e terrestres, vistorias e revistas em embarcações, das quais 458 foram apreendidas.
 
Nos postos de bloqueio e controle de estradas, foram retidos 177 veículos por irregularidades. Também foi confiscado volume superior a 28,1 mil metros cúbicos de madeira ilegal e 553 máquinas de serraria móvel, tratores, maquinário de mineração, balsas, dragas e acessórios foram apreendidos.
 
Até o momento, mais de R$ 407,2 milhões foram aplicados em multas e termos de infração.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS