BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

LUTO: Tribunal de Justiça emite nota de pesar pela morte trágica de servidor

Este foi o Fabrício que tivemos nos 20 anos de dedicação à 1ª Vara de Família, aos colegas servidores e magistrados, aos jurisdicionados. Perdemos um querido e especial amigo; Sua mãe, a também servidora do TJRO, Eva Magalhães da Cruz, disse hoje que perdeu um pedaço dela.

ASSESSORIA

09 de Julho de 2020 às 15:26

Atualizada em : 10 de Julho de 2020 às 08:16

Foto: Divulgação

Com muita tristeza e consternação, a 1ª Vara de Família e Sucessões de Porto Velho se manifesta pela perda do servidor e amigo Gualter Fabrício Magalhães Cruz, 43 anos, ocorrida nesta quinta-feira, 9/7/2020, em trágico acidente doméstico.
 
Fabrício ingressou no TJRO em 16/4/1998, sendo a 1ª Vara de Família sua primeira lotação, onde foi Secretário, Chefe de Cartório, e nomeado como Escrivão pro tempore em 6/10/2004, função que exerceu até a extinção do Cartório e migração para a CPE, em junho de 2018. Gostava de gente, de servir, e não se adaptou. Seguiu para a 4ª Vara Criminal, onde trabalhou até ontem.
Prestativo. Colaborador. Educado. Competente. Colega agregador. Sorriso estampado e fácil. Filho, neto e pai carinhoso. Cheio de vida...
 
Este foi o Fabrício que tivemos nos 20 anos de dedicação à 1ª Vara de Família, aos colegas servidores e magistrados, aos jurisdicionados.
Perdemos um querido e especial amigo.
Sua mãe, a também servidora do TJRO, Eva Magalhães da Cruz, disse hoje que perdeu um pedaço dela.
 
Deixa dois filhos, Gualter e Manuela.
Solidarizamo-nos com a dor dos familiares e demais amigos, e daqueles que com ele conviveram nas esferas profissional e pessoal, rendendo homenagem ao trabalho por ele realizado em sua carreira conosco, e à vida que desfrutou.
Saudades.
 
1ª Vara de Família e Sucessões de Porto Velho.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS