BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Merendeiras participam de oficina culinária em escola na zona Rural

Merendeiras participam de oficina culinária em escola na zona Rural

Da Redação

14 de Agosto de 2009 às 12:09

Foto: Divulgação

A
Escola Municipal da zona rural, Ulisses Matosinho, foi o local escolhido para a realização da 4° Oficina de Culinária. O evento foi realizado na tarde da última quinta-feira (13), e doze merendeiras participaram da Oficina, sendo quatro da Escola da Ulisses, duas da Escola Inácio de Loiola, duas da Escola Bárbara Heliodora e quatro da Escola Rio São Francisco.
 
Essas oficinas fazem parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) implantado em 1955, que garante, por meio da transferência de recursos financeiros, a alimentação escolar dos alunos de toda a educação básica (educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos) matriculados em escolas públicas e filantrópicas.
 
Em Ji-Paraná as Escolas Municipais recebem a contrapartida da Prefeitura somada ao recurso do FNDE. Atualmente, o valor repassado pela União, por dia letivo, é de R$ 0,22 por aluno, por esse motivo foi feito uma parceria com o município para que seja dada continuidade ao programa. As 27 Escolas municipais participaram dessas oficinas.
 
De acordo com Rosemaria Waldraff da Silva, Nutricionista responsável técnica pelo programa, o objetivo dessas oficinas é atender às necessidades nutricionais dos alunos durante sua permanência em sala de aula, contribuindo para o crescimento, o desenvolvimento, a aprendizagem e o rendimento escolar dos estudantes, bem como promover a formação de hábitos alimentares saudáveis.
 
Segundo Sara Dalva de Oliveira Santiago, Superintendente de Administração da Secretária Municipal de Educação (SEMED), esse projeto acontece com a participação das merendeiras, onde elas aproveitam para trocar receitas. Sara também afirma que grande parte dos alunos vem para a escola sem se alimentar corretamente, e para muitos deles a merenda escolar acaba sendo a refeição diária mais importante.
 
Nessa oficina as merendeiras de cada escola apresentaram suas receitas: suco de maracujá com couve, bolo de cenoura e de fubá, torta de frango, torta de biscoito doce, lasanha de  bolacha de sal e canjiquinha de frango.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS