BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Reunião em Guajará Mirim discute Orçamento de 2006 para o município

Reunião em Guajará Mirim discute Orçamento de 2006 para o município

Da Redação

14 de Dezembro de 2007 às 10:18

Foto: Divulgação

*Na manhã de terça-feira (13) o relator do Orçamento do Estado de Rondônia para 2006, deputado estadual Leudo Buriti (PTB-Ji-Paraná) esteve comandando mais uma reunião setorial com vereadores, prefeitos e segmentos organizados da sociedade civil em Guajará-Mirim. O encontro ocorreu na Câmara de Vereadores e também marcaram presença os deputados estaduais Haroldo Santos (PP-Ouro Preto do Oeste) e Paulo Moraes (PL-Porto Velho). *Leudo explicou na abertura dos trabalhos os motivos de promover reuniões setoriais para discutir o Orçamento. Segundo o relator, “ninguém melhor que prefeitos, vereadores e a sociedade organizada para saber o que realmente o Estado necessita. Discutindo os problemas vamos ter condições de aprovar um orçamento adequado à realidade de cada região do Estado”, argumentou Leudo. O Orçamento 2006, disse Leudo, está mais bem elaborado que o deste ano. A equipe técnica do governo trabalhou bem e conseguiu montar uma peça dentro das necessidades do Estado. “Mas existem falhas”, disse ainda o relator, como a falta de investimentos na habitação popular, que é constitucional. *Após a discussão com políticos e o povo organizado, “teremos mais condições de aproximar o Orçamento 2006 do futuro do Estado, pois temos ciência que o orçamento é uma previsão, mas representa o projeto-futuro”, justificou Leudo. * “Discutir o Orçamento do Estado representa mais um passo importante da democracia, porque ouvir e discutir assunto da maior importância com a população é muito bom”, disse o prefeito de Guajará-Mirim Dedé de Melo (PDT). Ele reclamou da falta da presença do Estado na área de saúde. “Nunca o município recebeu recurso dos fundos. Guajará está sendo discriminada”, denunciou Dedé. *Vários assuntos foram abordados por secretários, vereadores e líderes de organizações no município, entre os temas, reclamação por recursos na saúde, educação, estradas, água encanada, investimentos no turismo como a construção de um bumbódromo e a rodovia madeira Mamoré ligando o município até Nova Mamoré, e tantas outras reivindicações. *Ao final da reunião Leudo Buriti disse que a construção de um Bumbódromo é um dos sonhos da população de Guajará-Mirim. “Seria a via correta para o fortalecimento e posterior consolidação do turismo no município que ainda é muito pouco explorado” argumentou o relator Leudo Buriti. *A emenda do deputado federal Hamilton Casara para a construção do Bumbódromo não é suficiente para a construção da obra. Leudo disse que irá garantir no Orçamento de 2006 de Rondônia recursos para a construção do Bumbódromo. Para Leudo, “Guajará-Mirim é uma cidade voltada peara o turismo e não pode abrir mão da obra que será a garantia da retomada do desenvolvimento do município”, concluiu.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS