BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESPAÇO ABERTO: Breno Mendes alerta que transporte coletivo pode ter problemas

Confira a coluna de Cícero Moura

CÍCERO MOURA/RONDONIAOVIVO

02 de Outubro de 2020 às 08:25

Atualizada em : 02 de Outubro de 2020 às 15:06

Foto: João Vitor Muniz/Rondoniaovivo

ENTREVISTAS RONDONIAOVIVO
 
Nesta quinta-feira,01, Breno Mendes do Avante foi o convidado do Rondoniaovivo na série de entrevistas que vamos fazer com todos os candidatos a prefeitura da capital. Na entrevista desta sexta-feira, Eyder Brasil (PSL) será sabatinado. 
 
SEM PLANO
 
Breno Mendes abriu sua apresentação dizendo que não tem plano de saúde e que sabe o quanto o povo sofre quando precisa do poder público municipal. Disse que sonha com uma cidade limpa e organizada.
 
EMPREGO E RENDA
 
O candidato disse que a população precisa de emprego para que automaticamente a economia fique forte. Citou que várias pessoas estão formadas mas não tem onde trabalhar.
 
CRÉDITO
 
Para resolver isso, Breno afirmou que em 2 de janeiro irá baixar decreto fomentando a economia. Promete dar carência para que o povo possa ter linha de crédito. A ideia é fortalecer empreendedores.
 
SAÚDE
 
O candidato disse que vai aumentar o horário de atendimento dos postos de saúde  para que as pessoas não precisem bater na porta de outra unidade distante de sua casa ou então no João Paulo II.
 
 
COVID
 
Breno Mendes culpou a prefeitura pela falta de um atendimento mais ágil para a população durante a pandemia. Disse que chamou a atenção do prefeito para a compra de Azitromicina e Ivermectina.
 
MOBILIDADE URBANA
 
Breno garantiu que vai resolver o problema do transporte alternativo e táxi compartilhado que na visão dele precisam de segurança jurídica para dar
tranquilidade aos profissionais que dependem disso.
 
TRANSPORTE PÚBLICO
 
Disse que é advogado da área criminalista e muita coisa ainda vai acontecer em relação à nova empresa do transporte coletivo que teria chegado em Porto velho de forma errada, segundo o candidato.
 
SOLUÇÃO
 
O candidato do Avante citou que resolveria o problema do transporte coletivo licitando os trechos por lote, o que no entendimento dele atrairia mais interessados e não apenas uma empresa de transporte.
 
AVISOU
 
Breno Mendes, que já fez parte do governo municipal, disse que não foi ouvido pelo prefeito quando teria apresentado propostas para resolver de imediato a questão do transporte público.
 
EXONERAÇÃO
 
Disse que é favor do Servidor Público e que vai demitir secretário que não respeitar ou perseguir servidores municipais.
 
ENERGISA
 
Breno Mendes tem apoio do governador Marcos Rocha que enviou projeto para  a Assembleia Legislativa pedindo que os deputados perdoassem dívida milionária da Energisa. Empresa que Breno trabalha contra e tem várias ações na Justiça em favor de consumidores que teriam sido prejudicados pela companhia de energia.
 
CONVENCEU O GOVERNADOR
 
Breno disse que foi até o Governador e mostrou que ele foi enganado, explicando com números que a Energisa não poderia ser beneficiada com perdão da
dívida.
 
EDUCAÇÃO
 
Breno garantiu que vai valorizar os servidores da educação e que  irá elaborar um projeto para recuperar os 03 anos perdidos pelos estudantes da zona rural de Porto Velho.
 
EDUCAÇÃO 2
 
O candidato do Avante disse ainda que se for eleito pretende, em quatro anos, colocar 100 por cento das crianças até 03 anos nas creches. A iniciativa seria feita com parcerias junto à igrejas.
 
ALAGAMENTOS
 
Breno encerrou a entrevista dizendo que vai aumentar o tamanho das Bocas de Lobo para melhor escoar a água da chuva . Na opinão dele falta também limpeza de canais.
 
AGENDA
 
Nesta sexta-feira,02, a candidata do PP, Cristiane Lopes, tem gravação do programa eleitoral na parte da manhã. A tarde acontece encontro com representantes da comunidade do ramal Maravilha. Às 8h da noite tem reunião com candidato Adonias, Pros, no bairro Tancredo Neves.
 
AGENDA 2
 
Os demais candidatos não enviaram as agendas. 
 
MUDANÇA
 
A delegacia localizada na rua Rafael Vaz e Silva ( 2º DP ) próximo da Costa e Silva vai mudar de local. O governo alega que não tem mais condições de pagar o aluguel do prédio. O imóvel foi alugado ainda no governo Confúcio.
 
SEM POLÍCIA
 
A mudança afeta diretamente pelo menos uns 5 bairros na região onde a delegacia está instalada. O 2ºDP será transferido para a Unisp, localizada ao lado da Delegacia de Homicídios, na rua Brasília.
 
ALTERNATIVA
 
Segundo o deputado Jair Montes, que recebeu diversas manifestações referentes à mudança, ele vai sugerir ao Governador que construa uma Unisp no antigo prédio onde ficava a PGE.
 
ALTERNATIVA 2
 
De acordo com Montes, o terreno já é do Governo o que facilita todo o processo. A área indicada pelo deputado está localizada na rotatória da Jorge Teixeira com Imigrantes, onde atualmente funciona o centro de operações da PM.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS