BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESPAÇO ABERTO: O transporte ruim que consegue ficar pior

Confira a coluna de Cícero Moura

CÍCERO MOURA/RONDONIAOVIVO

08 de Setembro de 2020 às 08:23

Atualizada em : 09 de Setembro de 2020 às 09:30

Foto: Divulgação

QUEM CONHECE NÃO FAZ NEGÓCIO
 
No tempo em que ainda havia vergonha na cara qualquer cidadão descente “sumia” ao ver seu nome em destaque nas notícias sobre golpe, fraude, roubo. Hoje em dia parece haver uma banalização da pilantragem e nada mais é motivo de vergonha.
 
APREENSÃO
 
Os ônibus de terceira linha que vieram do Maranhão e foram entregues para a população de Porto Velho foram apreendidos por ordem judicial. Os veículos foram comprados pelo empresário Marcelo Alves Cavalcante que não teria pago a compra.
 
LIMINAR
 
Como não teria havido cumprimento do contrato de compra, o empresário que vendeu os ônibus conseguiu liminar judicial para pegar de volta os veículos. 
 
FARO COMPROMETIDO
 
O prefeito Hildon Chaves já disse que conhece um ladrão com dois minutos de conversa, mas parece que o faro apurado não funciona quando o assunto é picaretagem. 
 
FARO COMPROMETIDO 2
 
Hildon, que já alardeou várias vezes que negócios mal feitos não teriam vez em sua administração, queimou a língua, de novo. Pelo menos uma meia dúzia de pessoas alertaram o ilustre alcaide sobre fechar negócio do transporte coletivo com o tal Marcelo Cavalcante. A foto em destaque mostra um momento de comemoração entre Hildon Chaves e Marcelo Cavalcante.
 
 
INDÍCIOS
 
Aqui no Rondôniaovivo chegamos a informar, por mais de uma vez, que Marcelo Cavalcante não tinha ônibus para realizar o serviço que estava oferecendo. O resto da história, até a decisão judicial da apreensão dos veículos na semana passada, o leitor já conhece muito bem. 
 
AGORA VAI
 
Diz a prefeitura que a agonia da população no transporte público termina em outubro com a implantação do novo serviço de transporte coletivo da capital.
Será?
 
MULHER DE VICE
  
O partido Solidariedade, que tem o Coronel Ronaldo Flores como pré-candidato a prefeito, fechou composição com o Partido Verde e definiu a pastora Cila como pré-candidata a vice-prefeito.
 
 
OFICIAL 
 
A convenção do Solidariedade acontece no próximo dia 16, quarta. As duas siglas  vão ter ao todo 60 candidatos a vereador.
 
OFICIALIZOU
 
Ontem o PSL da capital realizou convenção e definiu como candidato a prefeito o deputado estadual Eyder Brasil. A sigla terá 25 candidatos a vereador em Porto Velho.
 
 
FIERO APOSTA EM RECUPERAÇÃO
  
A Federação das Indústrias de Rondônia (FIERO) acredita que a votação do relatório da reforma tributária ainda este ano alavancará a economia não só do País, mas também do Estado.
 
SEM BUROCRACIA
 
Para o presidente da FIERO, Marcelo Thomé, estabelecer a modernização da legislação tributária para torná-la simples e proporcionar maior segurança jurídica, desburocratizando o sistema, resultará na atração de novos investimentos brasileiros e internacionais.
 
DISCUSSÃO
 
O tema foi pauta de um debate que teve a participação do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade, e outros parlamentares do Congresso.
 
MAIS DE 30 ANOS
 
Robson Andrade, da CNI, ressaltou que desde a Constituição de 88, o sistema tributário é um entrave ao crescimento do país, no incremento da geração de empregos e, principalmente, atrasa a competitividade do Brasil junto ao mercado global.
 
MUDANÇA DE HÁBITO
 
A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) 2019 mostrou que 8,1% (143 mil) dos rondonienses deixaram de fazer suas atividades habituais por motivo de saúde nas duas semanas anteriores à coleta de informação, sendo que para 26 mil o motivo estava relacionado ao trabalho. Do total, 59 mil eram homens e 84 mil mulheres.
 
MEIA IDADE
 
Por idade, o grupo que mais deixou de fazer suas atividades habituais foi o formado por pessoas com idades entre 40 e 59 anos, representando 32,5% dos 143 mil rondonienses.
 
QUASE 60%
 
Por nível de instrução, as pessoas com pouco estudo ou com o ensino fundamental incompleto representaram 59% dos indivíduos que deixaram de fazer as atividades habituais.
 
DOENTES
 
Dos rondonienses que deixaram de fazer suas atividades habituais, 48 mil (33,4%) ficaram acamados, sendo 19 mil homens e 29 mil mulheres. O grupo de pessoas com idades entre 40 e 59 anos também foi o maior entre os acamados: 33,5%.
 
EM BUSCA DE AUXÍLIO
 
Em Rondônia, 265 mil pessoas declararam que procuraram atendimento de saúde nas duas semanas anteriores à coleta de informações, sendo que 224 mil (84,7%) conseguiram atendimento. Das pessoas que conseguiram atendimento, 194 mil (86,6%) conseguiram o atendimento na primeira tentativa.
 
NORTE TEM MAIOR DENSIDADE POR DOMICÍLIO
 
A PNS 2019 mostra ainda que Rondônia tem uma taxa um pouco maior de morador por domicílio que o índice brasileiro. Enquanto no estado, há, em média, três moradores por moradia, o país registra uma média de 2,9.
 
DESTAQUE
 
Entre os cinco estados com as maiores taxas, quatro estão na Região Norte: Amapá (3,8), Amazonas (3,5), Roraima (3,4) e Pará (3,3). Completa a lista o estado do Maranhão, com 3,3.
 
SEM TROCO
 
Leitores estão criticando grande rede de supermercados da capital que insiste em oferecer balas de troco ou pedem para que o troco seja doado. O Código de Defesa do Consumidor é claro. Se não tiver moedas para o troco o valor da compra deverá ser arredondado para menos.
 
DESPENCARAM
 
As vendas de veículos novos no País caíram 24,5% em agosto, no comparativo com o mesmo mês de 2019. O balanço foi divulgado pela Anfavea, entidade que representa as montadoras instaladas no Brasil.
 
QUASE A METADE
 
De janeiro a agosto, os brasileiros compraram 1,17 milhão de veículos novos, o que representa uma queda de 45% em relação aos oito primeiros meses de 2019.
 
SOBE E DESCE
 
No segmento de carros de passeio e utilitários leves, como picapes e vans, as vendas caíram 24,9% na comparação com agosto de 2019, mas subiram 6,4% em relação a julho, chegando a 173,8 mil unidades no mês passado.
 
GIGANTES
 
As vendas de caminhões somaram 8,1 mil unidades, com quedas de 14,4% no comparativo anual e de 15,3% em relação a julho. Já os emplacamentos de ônibus, de 1,5 mil unidades no mês passado, caíram 26,3% no comparativo anual e 1,7% sobre julho.
 
URUGUAI QUER TURISTAS BRASILEIROS
 
Montevidéu atrai brasileiros durante todo o ano, mas no verão a preferência é pelas praias uruguaias, com ênfase para Punta del Este.
 
O Uruguai está preparadíssimo para receber os turistas brasileiros e argentinos no próximo verão.
 
ANTECIPOU
 
O jornal La Nación, Buenos Aires, diz que o Uruguai é o único País da região que reabriu as aulas presenciais durante a pandemia, por exemplo, e que até em razão disto avalia um possível cenário turístico para o verão, sabendo que ano a ano recebe mais turistas argentinos e brasileiros.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS