BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESPAÇO ABERTO: Bolsonaro diz que ponte depende da bancada de Rondônia

Confira a coluna de Cícero Moura

CÍCERO MOURA/RONDONIAOVIVO

26 de Agosto de 2020 às 08:20

Atualizada em : 26 de Agosto de 2020 às 15:35

Foto: Divulgação

ECONOMIA
 
A construção de uma ponte no rio Guaporé, ligando o município de Costa Marques a Bolívia, deverá intensificar as relações comerciais Brasil e Bolívia, impulsionando o agronegócio do Estado.
 
APOIO
 
O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira (25) que apoia a viabilidade da ponte sobre o rio Guaporé. Bolsonaro jogou a responsabilidade para a
bancada federal de Rondônia que teria que garantir os recursos para obra.
 
TRIPLICAR OS NEGÓCIOS
 
Segundo o empresário, Cesar Cassol, do ramo de calcário, a obra é importante para o Estado de Rondônia, pois intensificará as relações de comércio com a
Bolívia. Ele cita como exemplo a saca de milho que é vendida no Brasil a R$ 42,00 e poder ser comercializada por até R$ 100,00 na Bolívia.
 
OUTRAS OPÇÕES
 
Além do milho, que é produzido em alta escala em Rondônia, outros produtos também podem ser comercializados na Bolívia. Entre eles: soja, milho, madeira, minério, castanha e sal, que seriam exportados por Costa Marques.
 
INVESTIMENTO
 
O projeto, segundo Cassol, teria um custo no valor de R$ 35 milhões. O empresário diz que o valor pode sair de emenda de bancada, justificando que a obra
será mais econômica em função da extensão do rio. A estrutura teria apenas  540 metros.
 
CONTATO
 
No ano passado, políticos e empresários do Estado do Beni, da Bolívia, estiveram reunidos com a diretoria da Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de
Rondônia (Soph), com o propósito de retomar as tratativas e estabelecer uma relação comercial entre os países.
 
ECONOMIA
 
Segundo o empresário Dário Lopes, Grupo BDX Logística, os produtos bolivianos exportados são escoados pelo Chile ou Argentina. Uma tonelada enviada de Santa Cruz de La Sierra para a Costa Leste do Estados Unidos da América, Caribe e Europa, passando pelo Canal do Panamá, custa em média US$ 125. Ao sair de Porto Velho o custo cai para US$ 90, além de reduzir o tempo pela metade.
 
OPORTUNIDADE
 
Além de estimular o desenvolvimento e geração de emprego e renda na região, o empreendimento, de acordo com os empresários, geraria  1500 vagas de
trabalho.
 
DESDE 2017
 
O projeto de construção da ponte Brasil Bolívia no município de Guajará-Mirim, na fronteira de Rondônia com o País boliviano, foi inserido no Orçamento Geral da União 2017, mas a proposta  não teria avançado por falta de articulação política da bancada federal de Rondônia.
 
OUTRA OPÇÃO
 
Na época, foi discutida também a estratégia da Bolívia de saída para o mar, com a utilização da hidrovia do Madeira e toda estrutura do Porto Organizado de Porto Velho, por onde já está sendo exportado castanha e madeira.
 
NA CONTRAMÃO DA PANDEMIA
 
Seguindo a linha da geração de emprego e renda, a rede Bob`s inaugurou nova loja na capital. Fica na Jorge Teixeira com Pinheiro Machado.
 
NO CARRO
 
Além da loja com atendimento no local, as pessoas também podem optar pelo sistema drive-thru. O novo Bob`s funciona todos os dias e fica aberto de 11h30 até 24h.   
 
DESTAQUE
 
Números da Polícia Militar colocam o 5º Batalhão como a unidade que mais obteve resultados positivos no primeiro semestre de 2020. Acompanhe o balanço enviado pelo comandante do 5º BPM, major Renato Suff :
 

1º SEMESTRE

 

ARMAS

VEÍCULOS

FORAGIDOS

ENTORPECENTES

1º BPM

67

88

114

110

5º BPM

110

561

202

136

9º BPM

65

136

117

62

 
APROVADO
 
Prefeitura informa que alcançou 97,26% em avaliação do Tribunal de Contas de Rondônia. O índice foi obtido após auditoria realizada pelo TCE no Portal da Transparência Municipal. 
 
FISCALIZAÇÃO
 
De acordo com o município, os números significam que todos os atos da gestão vêm sendo acompanhados pelos órgãos de controle, a exemplo do Ministério Público de Contas, Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, Ministério Público Estadual e pelo Tribunal de Contas (TCE/RO).
 
4 ANOS ATRÁS
 
A assessoria de imprensa ressalta que em 2016, o índice de transparência municipal era de apenas 64,85%. A partir de atos conjuntos entre órgãos internos teria sido possível ampliar a transparência das ações municipais.
 
CHANCELA
 
Com o resultado da auditoria do TCE, Porto Velho deverá receber o Certificado de Qualidade em Transparência Pública.
 
ELEIÇÕES
 
Equipe do Rondôniaovivo teve reunião nesta terça-feira,25, com o advogado Juacy Loura. No encontro foram discutidos temas referentes a cobertura das eleições municipais deste ano.
 
ELEIÇÕES 2
 
Ciente da importância e credibilidade junto ao seu público, o jornal Rondoniaovivo vem se preparando para uma grande cobertura das eleições 2020 em Rondônia além de trazer todas as informações do maior colégio eleitoral do Estado, a cidade de Porto Velho.
 
 
ELEIÇÕES 3
 
Juacy Loura falou sobre o trabalho da imprensa e das redes sociais durante o período eleitoral, esclarecendo as novas determinações da Justiça Eleitoral para esse pleito que promete ser diferente em função da pandemia.
 
CURRÍCULO
 
Ex-juiz e Ouvidor do TRE/RO, Juacy Loura é membro-fundador do Instituto de Direito Eleitoral de Rondônia - IDERO e da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político – ABRADEP, além de ter sido presidente do Colégio de Ouvidores da Justiça Eleitoral
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS