BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESPAÇO ABERTO: A falta de zelo que torna Porto Velho ainda mais imunda

Confira a coluna de Cícero Moura

CÍCERO MOURA/RONDONIAOVIVO

05 de Maio de 2020 às 08:35

Foto: Divulgação

MAU EXEMPLO 
 
Eu já perdi a conta do número de reportagens do Rondoniaovivo tratando da porquice em Porto Velho. E nem adianta culpar a prefeitura quando é o cidadão, muito relaxado por sinal, que faz questão de deixar mais imundo o que já está podre. Vou mostrar apenas um exemplo, mas tem conteúdo para um mês inteiro de coluna.
 
REGIÃO CENTRAL 
 
Um morador do bairro Embratel, localizado em uma área nobre de Porto Velho, Divulgou em redes sociais a falta de educação de muitas pessoas que vivem na região e acabam colocando em risco a saúde de todos e “embelezando” o local com um verdadeiro lixão.
 
DEPÓSITO
 
O terreno usado para depósito de dejetos tem de tudo. Sofá velho, pneus,  restos de comida, animais mortos, vários tipos de entulho. Cenário vergonhoso e deprimente  para quem mora no local e impressionante à quem passa pela região e se depara com tanta sujeira. 
 
QUESTÃO DE SAÚDE 
 
O mais impressionante é que os relaxados de plantão nem se importam com os riscos à saúde para recém nascidos, já que o local esquálido se encontra muito próximo da Maternidade Municipal.
 
BANAL
 
O morador que denunciou a imundice relatou que enquanto tirava fotos da sujeira, uma moradora de um dos prédios próximos se aproximou,  jogou lixo no local e foi embora como se o ato fosse a coisa mais normal do mundo.
 
PUNIÇÃO
 
A Lei diz que o descarte indevido de lixo se configura como infração passível à multa e processo criminal. Duvido que exista alguma  criatura em nossa capital que tenha sido penalizada por sujar a cidade. Se isso realmente tivesse ocorrido, uma única vez na vida, nós não teríamos o festival de bueiro entupido por lixo em dia de chuva forte.
 
 
EDUCATIVO
 
A Prefeitura de Porto Velho está realizando trabalho preventivo de conscientização na área comercial de Porto Velho quanto ao uso de máscaras por clientes e colaboradores, álcool em gel para higienizar as mãos e objetos e para evitar aglomeração dentro dos estabelecimentos comerciais.
 
PREVENÇÃO
 
O objetivo da fiscalização é educar os comerciantes quanto às regras e evitar a proliferação do coronavírus para diminuir os casos do Covid-19 na capital. Quem não obedecer, será notificado e se houver reincidência por três vezes, a medida pode ser mais rígida, podendo ocorrer inclusive o fechamento do local. 
 
RIGOR
 
Diante da gravidade em que se encontra a pandemia no estado, principalmente na capital, é louvável  o trabalho da prefeitura. Tem que haver rigor sim, pois um grupo de alienados insiste em tratar a questão sem a seriedade que o tema merece.
 
RESOLVIDO
 
Semagric avisa que concluiu o serviço de substituição de um bueiro que havia sido destruído pela enxurrada no chamado “Linhãozinho”, na altura do km 01, em União Bandeirantes. O trabalho exigiu dedicação dos operadores de máquinas que em menos de 24 horas conseguiram restabelecer o tráfego na estrada.
 
LOTÉRICA DE EXTREMA
 
Sobre a nota publicada na coluna referente às reclamações quanto à única agência lotérica no distrito de Extrema estar fechada a Caixa enviou e-mail para a coluna. 
 
Segue uma parte do texto:
 
A Caixa esclarece que a lotérica em Extrema (RO) está fechada por decisão do proprietário, para adequações, considerando-se o contexto da pandemia do novo coronavírus. Há previsão de retorno das atividades no dia 11 de maio. 
 
CLARO FORA DO AR
 
Os serviços de banda larga da Claro/NET apresentaram instabilidade em várias cidades brasileiras, como Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Florianópolis, Brasília, Goiânia, Manaus, Porto Velho e João Pessoa.
 
PANE
 
Nas redes sociais, assinantes reclamaram também por não conseguir atendimento nos canais ao consumidor da operadora, nada funcionava nem app, whatsapp e telefone. A operadora confirmou ao Rondoniaovivo que estava ciente da pane.
 
 
MINISTRO QUER PROIBIÇÃO DE DECISÕES MONOCRÁTICAS
 
 
O ministro Marco Aurélio Mello mandou proposta ao presidente do STF, Dias Toffoli, para que ações que interfiram no funcionamento do Executivo e do Legislativo não tenham mais decisão monocrática.
 
A PROPOSTA
 
O que propõe o ministro:
 
- Emenda ao regimento da Suprema Corte, a fim de tornar claro que atos que interferirem em outros Poderes sejam submetidos ao colegiado do STF. Esforços devem ser feitos com o objetivo de "preservar a harmonia" entre os Poderes, conforme estabelecido pela Constituição.
 
INICIATIVA
 
O pedido de Marco Aurélio Mello tem a ver com a decisão de Alexandre de Moraes, na semana passada, proibindo a nomeação do delegado Alexandre Ramagem para a chefia da Polícia Federal. Nesta segunda, Bolsonaro nomeou o delegado Rolando Souza, braço direito de Ramagem, para a chefia da PF. 
 
ENSINO MUNICIPAL
 
Plataforma ofertada aos municípios do interior pela Prefeitura de Porto Velho já atende mais de 15 mil alunos na rede municipal 
De acordo com o prefeito Hildon Chaves, Porto Velho é referência no Brasil na oferta de educação à distância em diversos níveis, em especial na educação básica.
 
MAIS GENTE
 
Segundo Hildon Chaves, a prefeitura prepara o compartilhamento da experiência para toda a rede pública. Muitos municípios já teriam começado a solicitar a ferramenta. Hildon Chaves explicou que os conteúdos produzidos pela Semed da Capital poderão ser aproveitados pelos demais municípios de forma colaborativa, sem prazo para parar.
 
CREDENCIAMENTO DE ACESSO
 
Para ter acesso ao Programa, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) de cada município através do Setor de TI, deverá assinar um Termo de Adesão informando a quantidade de alunos que deverão ser atendidos. Em seguida, poderão ter acesso a ferramenta com endereço próprio (ava.seumunicipio.ro.gov.br), porém sem personalização de interface do ambiente atual.
 
TAMBÉM CAIU
 
Segundo a IATA (Associação Internacional de Transporte Aéreo), a queda na capacidade do transporte aéreo de carga caiu quase 38% na América Latina apenas no mês de março, em relação a 2019. 
 
IGNORADOS
 
Coordenadora dos Médicos Sem Fronteiras, Ximena Di Lollo afirma que os idosos têm sido negligenciados pelo mundo na pandemia. Ela alerta que muitos morrem “sozinhos, assustados e em péssimo estado”.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS