BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESPAÇO ABERTO: Estudantes de Rondônia estarão em Concurso Nacional de Robótica

Confira a coluna de Cícero Moura

CÍCERO MOURA/RONDONIAOVIVO

04 de Março de 2020 às 09:06

Foto: Divulgação

ROBÓTICA 


Dois robôs produzidos em Rondônia vão participar entre os dias 6 a 8 de março, na cidade de São Paulo, do Festival SESI de Robótica, no Pavilhão da Bienal. Rondônia será representada por quatro equipes em duas categorias. 

 

DISPUTA

 

As categorias variam de acordo com o grau de complexidade e o tema dos desafios que os estudantes precisam enfrentar. Foram meses de treino e de pesquisa para construir e programar robôs que ofereçam soluções para desafios de nosso dia a dia. 


QUASE 170 EQUIPE

 

Os estudantes de 9 a 18 anos fazem parte de 168 equipes que aplicaram em seus robôs conhecimentos de ciências, matemática e outras disciplinas ligadas à tecnologia. Eles estarão distribuídos por 21 mil metros quadrados em três andares do espaço, onde participam da competição em três diferentes modalidades.


SELETIVA


Organizado pelo Serviço Social da Indústria (SESI), o Festival SESI de Robótica classifica as melhores equipes para torneios internacionais. Entre eles, o World Festival, a copa do mundo de robótica que será realizada em abril, em Houston (EUA). 

 

QUALIFICAÇÃO


Nesta quarta-feira (4), às 10h, no Salão Nobre Rosilda Shockness, o governo de Rondônia lança o programa "Geração Emprego", que oferecerá cerca de 42 mil capacitações profissionais em todo o Estado de Rondônia, aumentando as chances do primeiro emprego para jovens ou do retorno ao mercado de trabalho aos que estão desempregados.

 


BOM EXEMPLO


Sou muito crítico quanto ao trabalho de informação no serviço público, existem situações onde pedimos uma informação e ela só chega ( quando chega ) 48 horas depois. Isso sem contar eventos importantes, ou até mesmo ações do gestor, que poderiam ser amplamente divulgadas, mas ficam “hibernando” no site de determinado órgão ou nas redes sociais do gestor. Sobre essa questão, quero parabenizar a assessoria de imprensa da Prefeitura de Vilhena. Diariamente somos abastecidos com todas as ações do prefeito e secretários o que demonstra, a meu ver, o interesse em mostrar para a sociedade o que se está fazendo enquanto gestor público. Mesmo que haja equívoco em alguns atos a população é informada e pode fazer seu próprio juízo.

 

RENDENDO JUROS


O prêmio do bolão feito entre 10 pessoas de Rio Branco que foi sorteado no último prêmio histórico de R$ 211 milhões da Mega-Sena ainda não foi retirado pelos ganhadores. O bolão que acertou as seis dezenas do concurso 2.237 foi realizado na lotérica Mega Sorte, localizada na região central da capital acreana.

 


 


MAIS DE 10 MILHÕES

 

Conforme a Caixa Econômica Federal, o valor de R$ R$ 105.826.358,87 faturado pelos rio-branquenses segue rendendo juros de 0,8% ao dia, uma vez que os apostadores ainda não o retiraram. O dinheiro deve ser dividido entre 10 apostadores, que segundo informações, seriam policiais militares.

 

DINHEIRO NA MÃO


 
O valor do outro bolão premiado na Mega, feito em Fortaleza, no Ceará, já foi retirado pelos apostadores. 

 


SORTEIOS ESTÃO LIBERADOS


Falando em dinheiro, o governo publicou ontem medida provisória que recria os sorteios de prêmios na televisão, iniciativa proibida no final dos anos 1990 por ser considerada nociva aos consumidores. A decisão de Bolsonaro atende pedido de emissoras de televisão aliadas ao governo federal, como a RedeTV!. A MP tem efeito imediato, mas passará pela avaliação do Congresso.

 

TODO O BRASIL


O texto, publicado no "Diário Oficial da União", autoriza emissoras de televisão com abrangência nacional a distribuir prêmios em sorteios e concursos. A MP especifica que os canais de rede aberta devem prestar serviço de entretenimento por meio de aplicativos de plataformas digitais.


MAIS DE 5 MIL DECLARAÇÕES


A Receita Federal informou que 5.690 declarações foram entregues em Rondônia durante o primeiro dia do Imposto de Renda 2020. A expectativa é de que 207 mil declarações sejam entregues. Prazo vai até o dia 30 de abril.

 


ENERGIA


Deputado Jair Montes esteve na Procuradoria Geral de Justiça para debater  as leis estaduais que regem a distribuição de energia em Rondônia. O deputado, que é relator da CPI da Energisa, diz que a concessionária não tem cumprido com o que diz a lei. Jair afirma que o relatório final deverá  apontar possíveis irregularidades que estariam lesando a população rondoniense.   


ATAQUES CONTRA JORNALISTAS

 

A repórter Patrícia Campos Mello, da Folha de S.Paulo, ocupa a terceira posição de uma lista que aponta os dez casos mais urgentes de ataques realizados contra jornalistas em todo o mundo. A informação é da coluna de Monica Bergamo na Folha.


PRINCIPAIS VEÍCULOS DO MUNDO


O índice foi criado pela One Free Press Coalition, organização internacional que reúne veículos como The Washington Post, Agencia EFE e Deutsche Welle, e chama a atenção para os casos de perseguição contra jornalistas.


MENTIRAS


Patricia Campos Mello virou alvo das milícias digitais bolsonaristas após um depoimento mentiroso prestado à CPMI das Fake News por Hans River do Nascimento, ex-funcionário de uma empresa envolvida em disparos de mensagens em massa por WhatsApp.

 

NOVO SECRETÁRIO


Marcus Castelo Branco Alves Semeraro Rito é o novo chefe da Secretaria de Estado da Justiça (Sejus). A publicação, assinada por Marcos Rocha, foi feita na segunda-feira (2). Marcus Rito entra no lugar de Etelvina da Costa Rocha. Ela pediu exoneração após ficar um ano na gestão da pasta.

 

DE FORA

 

Segundo o governo, Marcus Rito não é de Rondônia e já ocupou o cargo de coordenador-Geral de Alternativas Penais do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Durante visita ao estado em 2017, Rito elogiou o sistema prisional de Rondônia.

 

MAIS IMUNDICE

 

Moradores da região próxima ao CEDEL, Localizado na avenida Buenos Aires, entre Carlos Gomes e Pinheiro Machado, estão revoltados com a sujeira nas proximidades do Complexo Desportivo. O local foi  transformado em um verdadeiro lixão à céu aberto.

 

 

SEM EDUCAÇÃO


 
Registro em vídeo realizado pela reportagem do Rondoniaovivo  mostra  muito lixo, entulho, mato e até móveis jogados no espaço, que fica próximo à rodoviária da capital. Nesse caso, vale ressaltar que a prefeitura não tem nada a ver com a porquice. A muntueira de lixo é obra de pessoas mal educadas que não respeitam os direitos de quem procura zelar pela limpeza.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS