ENSINO ONLINE: Aulas ao vivo ensinam crianças e adolescentes a criar programação e tecnologias

A Hello Future fundada pelo empreendedor digital de Porto Velho, Fawez Holanda, oferece cursos ao vivo toda semana com método criado por educadores e cientistas da computação do Brasil e dos Estados Unidos

O distanciamento social imposto pela pandemia da Covid – 19 vai deixar uma certeza para o setor educacional:   O ensino on-line veio para ficar.
 
A boa notícia em meio ao bombardeio de informações negativas geradas pela crise do novo coronavírus, é que a novidade garante avanços para o crescimento intelectual das novas gerações.
 
Movido pela tendência, que já é sucesso em outros países, o empreendedor digital de Porto Velho, Fawez Holanda, acaba de lançar a Hello Future que oferece cursos on-line de programação e tecnologia para crianças e adolescentes.
 
Desenvolvidos por educadores e cientistas da computação do Brasil e dos Estados Unidos, os cursos têm como objetivo preparar líderes do futuro, conforme o fundador da startup.
 
“As aulas acontecem on-line e ao vivo toda semana, tendo no máximo seis alunos por turma”, informa ele, acrescentando que os instrutores são cuidadosamente selecionados e capacitados em educação e tecnologia. “Os cursos são semestrais com certificado de conclusão’, completa.
 
Ensinar os alunos e alunas a se tornarem criadores de tecnologia e não apenas consumidores, por meio do uso educativo e saudável do computador. Essa é a missão da Hello Future.
 
 Sua proposta pedagógica tem como base o protagonismo juvenil. O investimento dessa fase inicial é de seis parcelas de R$ 99,00. Mais informações podem ser obtidas por meio do fone (69) 9 9207 – 0280 e pelo e-mail: contato@cursosshf.com.br
 
Tecnologia na Educação - Desempenhando um papel crucial na ciência e na medicina, bem como na diversão da sociedade moderna, a tecnologia entrou definitivamente na vida escolar. É um  caminho sem volta do novo normal.
 
Segundo dados da Unesco - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura – 1,6 bilhão de crianças e jovens passaram ater aulas on-line, seja no sistema híbrido, seja em tempo integral. Tal estatística equivale a 94% do total de estudantes do mundo, sendo 48 milhões deles do Brasil.
 
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS