PROPOSTAS: Chamada aberta para apresentações no VIII Festival Unir Arte e Cultura

As inscrições são abertas para a comunidade acadêmica e para comunidade externa (pesquisadores, artistas, músicos, poetas, fotógrafos, produtores culturais, professores, etc.)

PROPOSTAS: Chamada aberta para apresentações no VIII Festival Unir Arte e Cultura

Foto: Divulgação

A Universidade Federal de Rondônia (UNIR), por meio da Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (Procea), abriu chamada pública (acesse aqui) para inscrição de propostas de atividades culturais a serem apresentadas no VIII Festival UNIR Arte e Cultura: Memórias da Gente. O evento acontecerá no período de 19 a 27 de novembro de 2022, e as inscrições de propostas seguem até dia 16 de outubro.

Como a chamada é aberta a toda a sociedade rondoniense, tanto pessoas da comunidade acadêmica (alunos, docentes e técnicos administrativos) quanto da comunidade externa (pesquisadores, artistas, músicos, poetas, fotógrafos, produtores culturais, professores, etc.) podem apresentar propostas para integrar a programação do festival.


As propostas deverão se enquadrar nos seguintes eixos temáticos: (a) artes cênicas (teatro, dança, palhaçaria, circo, performance); (b) música (Mpb, Pop, Hip Hop, Funk, Reggae e outros gêneros); (c) música erudita; (d) banda de rock; (e) literatura (sarau, poesias, lançamento de livros, intervenções poéticas); (f) artes visuais (instalação, fotografia, vídeo, gravura e outras linguagens); (g) audiovisual (exibições, mostras, projeções e outras ações; (h) diversidade cultural (cultura afro, religiosa, ribeirinha, migratória e outras).

 

A edição deste ano do Festival de Arte e Cultura integra as comemorações dos 40 anos de fundação da UNIR, completados em julho de 2022. E o tema escolhido, Memórias da Gente, além de evocar o lema dos 40 anos da UNIR (Patrimônio da Gente), reforça a importância da arte e da cultura para a constituição da memória institucional, regional e estadual.


Sobre a escolha do tema, a coordenadora de Cultura da UNIR, professora Patrícia Goulart Tondineli, explica: “Memórias porque sua 1ª edição foi a quase 10 anos, em 2013; memórias porque a experiência artística e cultural amplia a memória individual e a coletiva; memórias porque o Festival faz parte da história da UNIR; memórias porque o Festival, neste ano, foca principalmente em manifestações artísticas e culturais que resgatem a história da UNIR ou que tenham a UNIR, ou Rondônia, ou a região Amazônica, como essência da edição”.

 

Festival UNIR Arte e Cultura

 

O evento objetiva criar espaços para divulgação da cultura e da arte desenvolvida em Rondônia, promovendo o intercâmbio entre os agentes produtores da comunidade acadêmica e comunidade externa. Com isso, a ideia é provocar discussões e contribuir significativamente com a formação cultural e artística dos discentes, docentes e técnicos da UNIR e da sociedade em geral, colaborando com a consolidação da Universidade como espaço de difusão e de fomento de atividades artísticas e culturais no Estado.

 

Acesse aqui a chamada pública.

Acesse aqui o formulário de inscrição.


 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

E M M M de Barros

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS